O Ceará e seus fantasmas ao jogar em casa

Confira a coluna desta sexta-feira (7)

Legenda: O Ceará tem apenas 33% de aproveitamento jogando em casa na Série B
Foto: KID JUNIOR / SVM

Guto Ferreira agora pertinho da torcida alvinegra. Ele tem crédito pelo ótimo trabalho quando de sua primeira passagem por Porangabussu. Foi demitido injustamente. E nem guardou mágoas, pois aí está no comando do Vozão. É duro o desafio que Guto terá pela frente. Um deles: tirar proveito de jogar em casa. O Ceará, antes dele, desperdiçou 15 pontos em casa. Perdeu para o Guarani, Vitória, Novorizontino e CRB. E empatou com o Avaí. Se tivesse feito o dever de casa, seria o líder da competição.

Aliás, bastaria somar os 15 pontos que desperdiçou. Aí estaria no alto com 36 pontos. Todas as equipes fazem do mando de campo um aliado, mas o Ceará, sem explicação, está fazendo dos jogos em casa um pesadelo. Já é hora de afastar os fantasmas. As contratações estão chegando. O lateral-direito Orejuela e o atacante Bissoli estão aí. Mais três poderão ser contratados. Uma coisa está vinculada à outra. É preciso sacudir o elenco. É preciso remover a ideia de inferioridade por estar na Série B. E se estabelecer como um time de Série A, ocasionalmente ocupando espaço na Série B. A pressa da disputa parece querer a colheita antes do plantio. Impossível. Deixem o Guto plantar. 

 

Velho conhecido 

 

O Botafogo-SP teve problemas no comando técnico. Adilson Batista foi demitido. Marcelo Chamusca assumiu e estreou na rodada passada. Deu-se bem na estreia: em casa, no Estádio Santa Cruz em Ribeirão Preto, ganhou do Guarani (1 x 0). Marcelo Chamusca é um bom treinador. Em 2017, subiu o Ceará da Série B para a Série A. Foi campeão cearense pelo Fortaleza e pelo Ceará. 

 

Campanhas 

 

Se hoje o Ceará ganhar do Botafogo-SP, acontecerá um fato interessante: os dois ficarão com o mesmo número de pontos (24), o mesmo número de vitórias (7), o mesmo número de empates (3) e mesmo número de derrotas (6). Mas, no saldo de gols, o Ceará ultrapassará o Botafogo. No momento, o Ceará tem saldo negativo de 3 e o Botafogo tem saldo negativo de cinco. 

 

Interesse 

Tenho lido as notícias sobre os possíveis adversários do Fortaleza na Copa Sul-Americana, mas não tiro o foco da Série A nacional, que para mim continua sendo o certame de maior importância para o Leão. A meu juízo, o Fortaleza tem mesmo de concentrar atenções no jogo com o Athletico-PR, domingo, às 18:30, no Castelão. Copa Sul-Americana é apêndice. 

 

Utilização 

 

Já vi mil propostas de como o técnico Vojvoda deverá utilizar o atacante Marinho. Sugestões de cronistas e torcedores. Tudo bem. Ouvi explicações interessantes e lógicas. Mas, não tenho dúvidas, de que Vojvoda já tem na mente o modelo que considera ideal para tirar o máximo proveito do talento do jogador. E tudo o mais não passará de elucubrações.  

 

Ferrão 

 

Faltam duas rodadas para terminar a fase de grupos da Série D nacional. O Ferroviário está à frente de todos os 64 times. O Ferrão tem 29 pontos. Depois dele, vem a Portuguesa-RJ com 24. Amanhã o Ferrão enfrenta o Tocantinópolis no Ribeirão e, no dia 15 de julho, encerrará sua participação na fase de grupos, enfrentando o Cordino, no PV. Boa campanha.