Começou a Eleição 2022! Veja as principais datas e marcos do ano eleitoral

Ao longo dos meses, a batalha pelos votos vai se definindo pouco a pouco. A decisão final, entretanto, é do eleitor nos dias 2 e 30 de outubro.

Urnas eletrônicas em preparação para votação
Legenda: Os eleitos para o Poder Executivo, presidente e governadores, irão tomar posse no dia 1º de janeiro de 2023
Foto: Fabiane de Paula

A eleição ainda não chegou, mas já começou. Chegou o ano de 2022 e com ele, a que promete ser a campanha eleitoral mais conturbada desde a reabertura democrática, na década de 1980. Antes de ir às runas, os rumos do Estado do Ceará e do Brasil passam pelas datas do calendário eleitoral.  

Observar os meses e os marcos temporais definidos pela Justiça Eleitoral é fundamental para os que pretendem concorrer aos cargos públicos, mas também aos eleitores, para evitar que, ao chegar outubro estejam com pendências na documentação e não consigam votar. 

A disputa pela Presidência da República e pelos governos estaduais, entre eles o do Ceará, será pouco a pouco definida com o passar dos meses de 2022.

1º de janeiro 

Todas as pesquisas de opiniões relativas às eleições 2022 precisam ser registradas na Justiça Eleitoral com prazo de cinco dias de antecedência da divulgação. Neste caso, o Judiciário tenta organizar o cenário frenético de divulgações de pesquisas de intenção de votos que já ocorreu no ano passado, em 2021.

5 de março 

Início do prazo da janela partidária para que os detentores de mandato troquem de partido. O prazo, que já agita os bastidores, principalmente na corrida às vagas na Câmara dos Deputados e na Assembleia Legislativa, vai até 1º de abril. 

Um dos fatos cercado de expectativa para este período é a definição de para onde irão os aliados do deputado federal Capitão Wagner (Pros), pré-candidato ao governo do Estado. Atualmente, ele disputa o comando do União Brasil no Estado com o senador Chiquinho Feitosa, que é membro da base governista local.

Deputado federal Capitão Wagner discursa na Câmara dos Deputados
Legenda: O fim da janela partidária trará a definição de para qual partido irá Capitão Wagner, pré-candidato a governador

A filiação de Wagner e aliados será determinante para as definições da oposição no Ceará. Além disso, as definições dos demais aliados do presidente Jair Bolsonaro no Ceará, se migrarão de fato para o Partido Liberal.  

2 de abril 

Ao fim do dia de 1º de abril, um outro marco temporal será bastante influente nos rumos do pleito eleitoral no Ceará. É que no dia 2 de abril é o fim do prazo para desincompatibilização de agentes públicos como governadores e prefeitos que pretendem concorrer a outros cargos. Assim, eles terão que renunciar aos cargos. 

Camilo Santana em entrevista
Legenda: Camilo Santana deve renunciar ao cargo de governador para concorrer ao Senado

Esta data deverá trazer a resposta definitiva sobre qual será o papel do governador Camilo Santana no pleito eleitoral. Camilo deve deixar o governo, após 7 anos e meio de gestão, para concorrer à única cadeira do Senado em disputa pelo Ceará. 

Outro marco importante neste dia é que quem pretende ser candidato precisa estar com o título eleitoral nos estados que desejam concorrer. 

4 de maio 

Esta é uma data fundamental para os eleitores. Será o último dia para o eleitor solicitar alistamento, transferência ou revisão do cadastro eleitoral. Ou seja, quem deseja mudar o domicílio eleitoral, refazer o cadastro, qualquer mudança, será o prazo final.

20 de julho 

A chegada do segundo semestre trará a agitação da campanha eleitoral propriamente dita. O primeiro prazo relevante, neste sentido, é o período de convenções partidárias.

Por meio das destes eventos é que os partidos formalizam as parcerias e coligações que irão disputar os cargos mais importanrtes na vida pública cearense. 

É neste prazo que ficam resolvidas em definitivo as candidaturas ao governo do Estado, por exemplo. O prazo final das convenções é 5 de agosto.

16 de agosto 

Início formal da campanha eleitoral com a liberação de propaganda eleitoral, inclusive por meio da internet. Com os candidatos na rua, o eleitor poderá conhecer melhor as propostas e os projetos que os candidatos pretendem executar no poder público, caso sejam eleitos.

29 de setembro

Começa a chegar ao fim os atos de campanha. As propagandas por meio de reuniões públicas e aparelhagem se som ficam vetadas. Até a véspera do primeiro turno, há algum tipo de propaganda ainda permitida. 

2 de outubro 

Cearenses e brasileiros vão às runas escolher os seus representantes no primeiro turno das eleições. A votação se inicia às 7h da manhã e ocorre até 17h. Neste dia sairão as definições da ocupação dos cargos no Legislativo em disputa: deputados estaduais, deputados federais e senadores. 

Já nos cargos do Executivo, é possível que haja disputas em segundo turno. 

30 de outubro 

Realização da eleição em segundo turno para a escolha de governadores e presidente da República. 

1º de janeiro de 2023 

Início dos mandatos no Poder Executivo, para o presidente da República e governadores dos estados.