Defensoria Pública do Ceará abre inscrições para Ouvidor-Geral do órgão

Podem participar da seleção pessoas indicadas e votadas por entidades ou organizações privadas que atuem na defesa de direitos humanos

Defensoria Pública do Ceará
Legenda: O cargo de Ouvidor-Geral da Defensoria Pública do Ceará existe desde 2011, com o objetivo de trazer um membro da sociedade civil para a instituição
Foto: JL Rosa (Arquivo)

A Defensoria Pública do Ceará abre nesta sexta-feira (18) inscrições para o cargo de Ouvidor-Geral do órgão, para ser ocupado por um membro da sociedade civil. Há vagas para a Capital e Interior.

Podem participar da seleção pessoas indicadas e votadas por entidades ou organizações privadas que atuem na defesa de direitos humanos, em áreas relacionadas às ações da Defensoria Pública. Os interessados podem se inscrever até o dia 28 de junho.

O cargo de Ouvidor-Geral existe desde 2011, com o objetivo de trazer um membro da sociedade civil para a instituição. São escolhidas três pessoas dentre os candidatos. Confira o edital.

Audiência pública pré-eleitoral 

Às 9h desta quinta-feira (17) será realizada a 2ª Audiência Pública pré-eleitoral para a escolha do ouvidor da Capital. O interessado em participar deve solicitar acesso pelo endereço eletrônico comissaoeleitoral.ouvidoria@defensoria.ce.def.br

A eleição para Ouvidor Geral Externo da Defensoria é um marco institucional, pois representa a expressão máxima da democracia, possibilitando que a sociedade civil indique ao cargo pessoas reconhecidamente vinculadas as lutas sociais e que serão o elo entre a instituição e esta mesma sociedade, em busca do fortalecimento da Defensoria, para que esta possa dar voz e vez àqueles que não tem ouvidor público"
Karinne Matos
Defensora pública e presidente da comissão eleitoral

Segundo ela, o ouvidor-geral utiliza dos principais meios disponíveis para abrigar as principais necessidades, "mostrando que é possível reivindicar junto aos movimentos sociais e governantes a ampliação da atuação da Defensoria Pública para todas as cidades do nosso Estado”, ressalta Karinne Matos.