Com nova venda, Arthur Cabral se torna a maior negociação da história do futebol cearense

Revelado na base do Ceará, Arthur Cabral é um grande negócio do clube

Arthur Cabral
Legenda: Arthur Cabral se destacou pelo Ceará em 2018
Foto: JL Rosa

A concretização da compra de Arthur Cabral pelo Basel FC torna o atacante o primeiro lugar no ranking das maiores vendas da história do futebol cearense. Ao todo, Arthur garantiu, sozinho, quase R$ 13 milhões aos cofres alvinegros. Entenda:

Ainda em 2018, ele foi vendido pelo Vovô ao Palmeiras por R$ 5,5 milhões, com o clube repassando parte do valor a empresários e ficando com R$ 3,5 milhões. O Alvinegro ainda manteve 50% dos direitos econômicos para uma futura negociação, que acontece agora.

Com a transferência para o Basel FC ocorrendo por 4,4 milhões de euros (cerca de R$ 26,9 milhões), o Ceará receberá mais R$ 13,45 milhões. Deste total, o Vovô deverá repassar 30% para o Taboão da Serra-SP, ficando assim com pouco mais de R$ 9,4 milhões.

No fim das contas, Arthur Cabral acabou rendendo R$ 12,9 milhões ao Ceará, se tornando, disparadamente, a maior transferência do Estado. Ele ultrapassa Artur Victor, que liderava o ranking até então. Em 2020, a transferência do cearense do Palmeiras para o Bragantino rendeu R$ 6,25 milhões ao Ceará.

Com o detalhe: no caso de Arthur Cabral, o Ceará segue ainda detentor de 15% dos direitos econômicos do jogador em caso de uma nova venda do Basel FC para qualquer outro clube.

Revelado nas categorias de base do Ceará, garantindo retorno técnico importantíssimo para manter o time na Série A do Campeonato Brasileiro em 2018 e posterior retorno econômico recorde, não é difícil concluir que Arthur Cabral é o melhor negócio já feito por um clube cearense.



Assuntos Relacionados