Atlas dos Estudos Urbanos e Regionais: mapas e imagens importantes do Ceará

Legenda: Para dar um aperitivo aos interessados, podemos mencionar material referente às transformações urbanas no distrito de Pecém, no município de São Gonçalo do Amarante
Foto: Carlos Marlon

Em um dos textos publicados nesse espaço, utilizei o termo “tecido urbano”. Essa é uma expressão comumente utilizada por urbanistas e geógrafos e, por isso, não me atentei que ela poderia gerar imprecisão em relação ao seu significado. Dito e feito. Nas redes sociais onde o texto foi compartilhado, leitores apontaram suas dúvidas a respeito dessa expressão, afinal é vocabulário técnico.

Isso me fez refletir. Submersos pelo contexto universitário, temos dificuldade em comunicar de forma simples e, ao mesmo tempo, precisa as teorias e os conceitos técnicos-científicos por nós utilizados.

Durante todos esses meses, cientistas são convidados, diariamente, a explicar o que é um vírus, como se faz uma vacina, o que é um estudo científico, qual a história das pandemias, onde fica Wuhan, o que é globalização... e por aí vai. 

O terrível período pandêmico deixou clara a necessidade da divulgação científica e massificação desses conhecimentos. Inegavelmente, constitui-se em avanço frente à avalanche de notícias falsas e boatos espalhados pelo disse-me-disse das redes sociais.

Na intenção de contribuir para o acesso fácil e gratuito à informações sobre o processo de urbanização, o Laboratório de Planejamento Urbano e Regional do departamento de Geografia da Universidade Federal do Ceará organizou o Atlas R_Urb. Essa ferramenta digital corresponde à coleção de mapas e imagens explicadas por textos curtos e de fácil leitura.

Os textos e as cartografias são fruto de estudos desenvolvidos nos últimos dez anos por mestres e doutores e, agora, nesse novo formato, seus resultados foram adaptados aos bons curiosos.

No Atlas R_Urb, os navegadores do ciberespaço encontrarão informações atualizadas sobre transformações nos centros das cidades, dinâmicas migratórias, políticas públicas, turismo, lazer e pobreza nos espaços urbanos. Além do mais, os temas são tratados em diversas situações; predominantemente, no Ceará, mas com menções ao Nordeste e a outras regiões do país.

Facilmente, alunos e professores poderão utilizar o material do Atlas para aprofundar temas expostos em sala de aula ou mesmo utilizá-los em atividades escritas e ou apresentações orais. Como se referem a estudos mais próximos a realidades dos estudantes, o material digital pode complementar os livros didáticos de geografia, história e atualidades.

Para dar um aperitivo aos interessados, podemos mencionar material referente às transformações urbanas no distrito de Pecém, no município de São Gonçalo do Amarante, em decorrência da instalação do principal porto do nosso Estado. Para os estudantes e para todos os cearenses, esse é tema importantíssimo a fim de compreender as novas atividades econômicas e suas consequências no Ceará.

Enfim, iniciativas como essas são mais que louváveis, tornam-se fundamentais à difusão dos resultados dos estudos produzidos nas universidades, organizados por jovens pesquisadores e financiados por recursos públicos. O conhecimento científico é um patrimônio da humanidade, uma conquista e deve ser, continuamente, popularizado. Vamos lá, acesse o Atlas R_Urb!

*Esse texto reflete, exclusivamente, a opinião do autor.