ExpoFavela: a mostra da Potência das Favelas

favela da rocinha
Legenda: Hoje, a favela é uma cadeia produtiva que tem muita potência e força
Foto: Agência Brasil

Segundo pesquisa feita em abril de 2021 pela Revista Exame, o empreendedorismo está muito presente nas principais favelas do Brasil. Para a surpresa de algumas pessoas, são mais de 289 mil comércios registrados nas mais de 6 mil favelas em todo o Brasil, movimentando em torno de R$ 119,8 bilhões por ano. Só no G10, bloco liderado pelas dez favelas mais populosas e com maior potencial econômico do Brasil, já são 125 mil empresas com CNPJ ativos.

Hoje, a favela é uma cadeia produtiva que tem muita potência e força, por isso precisamos ver as oportunidades que estão em todas as partes e tentar construir respostas pensando coletivamente. Porém, por sermos uma sociedade desigual, ainda temos que enfrentar olhares distorcidos que percebem a favela como problema, custo e tragédia, ao invés de potência, inovação e soluções.

Buscando conectar a grande demanda cultural e de negócios que surgem diariamente nas favelas, como música, cinema, negócios, moda, literatura, tecnologia e games, gastronomia, comunicação e muitas outras manifestações, a Favela Holding, com apoio Cufa, lança a ExpoFavela.

A ExpoFavela é um encontro pensado para construir uma relação entre a favela e o asfalto, que juntará os ceos da favela e do asfalto, os homens e mulheres de negócios da favela com os empresários e grandes empresas do país, escrevendo uma página nova, entre a riqueza produzida pela favela e o capital que habita e se organiza no asfalto.

Um ambiente de oportunidade para todas as empresas que desejam se aproximar e negociar com e na favela, conseguir estreitar as relações com as pessoas que nela vivem.

Com as incertezas da pandemia, o evento está previsto para acontecer em abril de 2022, no World Trade Center (WTC), em São Paulo. Durante os 3 dias de evento, vamos oferecer palestras, exposições, rodadas de negócios, pitches de startups, debates, cursos, shows, filmes, desfiles e muitas outras iniciativas criadas por moradores das favelas de todo o país.

Nossa expectativa é que a ExpoFavela receba até 15 mil pessoas, seguindo todos os protocolos de segurança e saúde. Acredito que esse evento será um grande ponto de encontro e uma nova forma de olhar para as favelas e suas realizações.

*Esse texto reflete, exclusivamente, a opinião do autor.