Amigos abraçam Tarcísio Sardinha em show beneficente

Passando por problemas de saúde, o instrumentista será homenageado em show no Cineteatro São Luiz que busca louvar seu legado e incentivar uma pronta recuperação

Tarcísio Sardinha
Legenda: O artista foi internado em janeiro com um sério problema de saúde e uma luta foi iniciada para garantir seu restabelecimento o mais rápido possível
Foto: Divulgação

O ano de 2022 não começou fácil, principalmente para um dos grandes mestres da música cearense, Tarcísio Sardinha. O artista foi internado em janeiro com sério problema de saúde e uma luta foi iniciada para garantir seu restabelecimento o mais rápido possível. Alguns passos foram dados, mas esse nome que já nos encantou por tantas vezes precisa do olhar ainda mais terno, tanto de seu público, como dos colegas de ofício.

Pensando nisso, o Cineteatro São Luiz recebe hoje o show beneficente “Amigos de Sardinha”, visando arrecadar fundos para o tratamento do veterano dos palcos. O projeto é realizado pela talentosíssima Bárbara Sena, filha de Tarcísio, e vai reunir neste templo da arte do Estado, grandes nomes do nosso cancioneiro popular.

Quem ama a autêntica música cearense tem quase o dever de participar desse grande encontro de gerações deste dia 20 de março, afinal, Tarcísio Sardinha é realmente peça fundamental para o sucesso de tantos talentos impulsionados por ele. Talvez, uma das mais jovens é a cantora Vannick Belchior, participante do espetáculo de logo mais.

Em um sarau para os mais íntimos, a moça resolveu abrir o vozeirão e cantar, foi aí que o maestro não titubeou e disse que “já sabia com quem iria tocar para matar a saudade de Belchior”, desde então a parceria foi selada. Além da filha do nosso “Rapaz Latino Americano”, também participarão do show Chico Pessoa, Lídia Maria, Neo Pi Neo, Thereza Raquel, Juruviara, Ciribáh Soares, Marina Cavalcante, Ingrid Sales e Gabriela Mendes. Tudo terá a direção musical do grande Adelson Viana.

O maestro ainda tem muita estrada para percorrer. Seus dedos, sejam ao teclado do piano ou nas cordas do violão, devem emocionar muito o público que aguarda ansiosamente seu retorno, mas tudo isso depende também do nosso olhar solidário ao inesquecível mestre. 

Os mares de Sardinha

Tarcísio, que veio a ganhar o apelido de Sardinha, foi um dos grandes professores e formadores de várias estrelas do mercado fonográfico cearense. Muitos deles embarcaram em mares plurais baseados nas aulas de choro por bares e quintais. O compositor, inclusive, é autor de temas comoventes e foram registrados em um songbook.

Uma das suas mais fiéis discípulas é a já mencionada Bárbara Sena. Com o sangue musical correndo nas veias, a artista diz que tudo começou sob influência de seu pai: “A importância dele é total. Foi ele que me ensinou os primeiros acordes no violão e me ajudou a desenvolver no instrumento. Mesmo na pressa entre shows e gravações, ele me alfabetizou musicalmente e sempre tirava um tempo para escrever e me incentivou muito”. 

Se filho de peixe, peixinho é, e quem tem como pai o Sardinha? Falar dessa relação de Bárbara com Tarcísio é fundamental. Muitas vezes, os pais não desejam a mesma profissão dos filhos, mas entre eles foi diferente. Esse apoio ajudou na construção da cantora que também compõe canções lindas e é atriz.

Nem por isso a trajetória da artista foi fácil. “Meu pai sempre foi muito sincero. Sempre foi muito verdadeiro. Ele dizia onde eu precisava melhorar e, agora, mesmo doente,eu sigo aprendendo com os ensinamentos dele, com essa força e toda a vontade de viver que ele tem e ainda temos projetos juntos”, conta a artista. 

Assim como Bárbara, muitos foram os alunos de Tarcísio que agora se reúnem em um show para louvar uma chama que jamais pode se apagar e que ainda tem muita vida pela frente. Reforço, ir ao Cineteatro São Luiz neste domingo não é só um ato de entretenimento, mas um gesto de louvação a quem muito nos ofereceu musicalmente. Sardinha segue sendo um pilar da música cearense, multi instrumentista de grande valor para nossas artes. Sua recuperação (e que ela seja rápida) é um respiro de alívio do Ceará que deseja saúde para mais este ídolo!