Fortaleza exercerá prioridade de compra do volante Ronald; veja detalhes

Em pouco tempo, Ronald ganhou a confiança de todos no Fortaleza, inclusive de Rogério Ceni

ronald
Legenda: Ronald tem se destacado no Fortaleza
Foto: Bruno Oliveira/Fortaleza

A jogada de marketing foi muito boa, aproveitando o timming e o ânimo da torcida. As 8 mil camisas serão vendidas, isso é um fato. Mas, independente disso, uma coisa é certa. O Fortaleza não vai deixar passar a oportunidade de contratar em definitivo o volante Ronald. O Tricolor exercerá a prioridade de compra e irá adquirir o meio-campista.

O clube aguarda que a campanha das camisas seja finalizada, com a meta atingida, o que irá contribuir para o negócio.

Por cláusula já fixada em contrato quando Ronald veio por empréstimo, a compra será pelo valor de R$ 1 milhão por 60% dos direitos econômicos. A Juventus-SC permanecerá com 40%.

O Tricolor tinha até o dezembro para sinalizar se iria ou não exercer o direito da prioridade de compra. A possibilidade já era grande pela avaliação positiva que todos no clube tiveram com o meio-campista de 23 anos, e a atuação contra o Atlético-MG, na vitória por 2 a 1, em que ele foi disparadamente o melhor em campo, só corroborou com isso.

A intenção do Tricolor é de que o novo contrato (que no momento vai até o fim do Brasileirão) tenha vínculo de três anos, até o fim de 2023. Porém, esta questão e outros detalhes, como multa rescisória, salário e bonificações, ainda serão discutidas com o atleta e seu representante após o desfecho do acerto com o time catarinense.

Ronald é um grande acerto do Fortaleza, que chegou ao clube através de indicação de Ivan, ex-jogador do São Paulo e companheiro de Rogério Ceni. Análise do CIFEC (Centro de Inteligência do Fortaleza) avaliou as características do jogador e referendou a contratação.

Em nove jogos, além de muita qualidade, mostrou também grande personalidade e já ganhou a confiança de Ceni.