Nokia 110: a volta do jogo da cobrinha por R$ 169

Primeiro feature phone chega ao Brasil com fabricação local

HMD Global trouxe um celular básico como antigamente, o Nokia 110
Legenda: HMD Global trouxe um celular básico como antigamente, o Nokia 110
Foto: Nokia/Divulgação

A HMD Global anunciou hoje, 10, o lançamento do Nokia 110, o primeiro aparelho da linha de telefones básicos (feature phones) no Brasil. O novo celular conta com bateria de longa duração, um leitor de MP3, rádio FM e jogos - como o clássico Snake, conhecido como "jogo da cobrinha". O valor médio é R$ 169. Detalhe: ele não é um smartphone, é um celular como antigamente. 

“Os telefones básicos continuam sendo muito relevantes no mercado global, principalmente para as pessoas que buscam por aparelhos mais acessíveis e por continuar conectadas mesmo assim - ou até mesmo para aqueles que querem fazer um “detox” das redes sociais e mesmo assim, permanecer em contato com quem amam. Neste lançamento, estamos saudando os celulares Nokia que muitas pessoas lembram com carinho, mas trazemos uma experiência renovada com a tecnologia atual”, explica Junior Favaro, diretor de vendas e marketing da HMD Global no Brasil.

Foto: Nokia/Divulgação

O aparelho tem um leitor de MP3 com capacidade de armazenamento expansível com cartão de memória de até 32 GB e rádio FM integrado. Além da música e informação, o lançamento também traz diversos jogos, como o clássico jogo Snake - favorito dos fãs da marca e lembrado por anos -, além do Ninja Up, Air Strike, Football Cup e Doodle Jump. 

O Nokia 110 tem uma bateria removível com um tempo de reprodução de música de até 27 horas. Segundo a HMD, com o Nokia 110, o usuário pode falar o dia todo com uma única carga. 

Minha dúvida é quem seria o público para este dispositivo? Seria o chamado celular do ladrão? Será que algum criminoso acreditaria que você só tem ele para "doar"? Seria voltado para pessoas idosas que não querem estar nas redes sociais? Um aparelho para quem está fora do mercado, mas precisa de um número para se comunicar, talvez um trabalhador autônomo? A nostaliga é interessante, mas não sei, realmente, se há mercado para este tipo de produto. Talvez encaixar o jogo da cobrinha ou um design retrô em um smartphone fosse mais interessante ou não? Dúvidas.

Preço e disponibilidade

HMD Global trouxe um celular básico como antigamente, o Nokia 110
Legenda: HMD Global trouxe um celular básico como antigamente, o Nokia 110
Foto: Nokia/Divulgação

O Nokia 110 está disponível no Brasil a partir de hoje na cor preta. O preço médio é de R$ 169 e está disponível no site oficial da empresa e no varejo brasileiro.