Sarto Nogueira (PDT) propõe mudar projeto dos alvarás na Capital

O candidato do PDT à Prefeitura de Fortaleza, Sarto Nogueira, disse que pretende modificar a política implantada pela gestão Roberto Cláudio em relação aos custos dos alvarás de funcionamento de empreendimentos. A medida foi uma das mais polêmicas da atual gestão. Segundo o candidato, que é correligionário do prefeito, as arrecadações com essas medidas “são pequenas para os transtornos que causam” e se comprometeu em elevar as faixas de isenção. Na entrevista que concedeu ao programa PontoPoder Eleições, da TV Diário, Sarto destacou alguns feitos da gestão, mas procurou mostrar uma imagem de que pode se diferenciar, como foi o caso em relação aos alvarás e também quando questionado sobe o que poderia o diferenciar do prefeito. Sarto encerrou a série de entrevistas do programa, após se recuperar da Covid-19.

Questionamentos

O candidato do PDT foi questionado em relação a dois temas de sua campanha. O primeiro foi sobre como um político experiente, com sete mandatos parlamentares, pode dizer que “é pouco conhecido do grande público”. Ao que explicou que a dinâmica da candidatura majoritária é diferente da lógica das eleições legislativas, das quais participou. É pouco para quem já foi presidente de Poder no Município, no caso da Câmara Municipal, e o é em nível estadual atualmente, na Assembleia Legislativa. O outro assunto foi a derrubada de uma propaganda dele que informava que ele liberou R$ 46 milhões para a Covid-19, quando na verdade os recursos foram encaminhados por todos os 46 parlamentares. Sarto disse que “liderou” o processo de decisão na Assembleia.

MP estuda ações

Os promotores eleitorais, isoladamente, estão tomando medidas para tentar coibir os atos de aglomerações causadas pelas campanhas eleitorais no Interior do Estado. A cada fim de semana, a situação piora e há necessidade de ações mais enérgicas, inclusive coordenadas. Essas medidas estão em estudo pelas autoridades. O vídeo que circulou na noite de ontem lá do município de Missão Velha é um verdadeiro absurdo, um crime contra a saúde pública.

Violência

Na noite de ontem, um candidato a vereador de Caucaia, “Batista da Banca” (PSB), foi encontrado morto a golpes de faca em sua residência no Conjunto Nova Metrópole. O fato acendeu alerta por conta das repetidas denúncias de violência contra candidatos neste município da Região Metropolitana. O caso ainda está sob investigação e não se sabe se há motivações políticas. Entretanto, as autoridades precisam estar atentas aos movimentos que ocorrem no Ceará. O TRE-CE solicitou reforço de tropas federais no dia da eleição para 10 cidades.

Evangélicos

A adesão do deputado estadual Apóstolo Luiz Henrique (PP) à candidatura de Capitão Wagner a prefeito é mais uma liderança do segmento evangélico a aderir à campanha do candidato do Pros. Apóstolo é filiado a uma legenda que está aliada a Sarto Nogueira (PP), mas explica que comunicou o partido de sua decisão e que não houve objeções. Segundo a última pesquisa Ibope/TV Verdes Mares, Wagner lidera as intenções de voto no segmento.



Assuntos Relacionados