Três times que jogam bonito

Dá gosto ver o Bragantino jogar. Dá gosto ver o Flamengo jogar. Dá gosto ver o Fortaleza jogar

Vojvoda
Legenda: Além da pontuação, futebol praticado pelo tricolor é de alto nível e permite sonho com objetivos maiores
Foto: Thiago Gadelha

No Campeonato Brasileiro Série A 2021, o Bragantino deu os primeiros sinais de um futebol diferenciado pela qualidade e pela magia. Futebol onde Claudinho, pela classe, faz a diferença. O Flamengo, apesar de algumas oscilações, vem jogando bonito há muito tempo. Não por acaso é bicampeão brasileiro. Agora chega o Fortaleza com a graça de um harmonioso e belo futebol. Não é fácil a junção entre futebol mecânico e futebol arte. O primeiro vem pela automação; o segundo vem pelo dom dado por Deus. Quando acontece a junção de ambos, aí o torcedor agradece porque vem o encanto. Dá gosto ver o Bragantino jogar. Dá gosto ver o Flamengo jogar. Dá gosto ver o Fortaleza jogar. Isso não quer dizer que sejam vitoriosos sempre. Não é isso. É bom não confundir eficiência com exibição. Oportuno lembrar que vitorioso é o Palmeiras. Entretanto, não vejo ainda no Verdão a luz que encanta pela elegância no jogar. Ao Fortaleza, a questão agora é manter o padrão até o fim do campeonato. O Flamengo tem condições de seguir com a mesma qualidade especial, pois vem assim desde a passagem iluminada do português Jorge Jesus. Tenho dúvidas sobre o Bragantino. Somente o tempo dirá se todos serão capazes de chegar ao fim do certame sem o comprometimento da qualidade.

Liderança

Que bom ver o Ferroviário líder do Grupo A da Série C nacional. Na frente de times tradicionais como o Paysandu de Belém e do Santa Cruz de Recife. O técnico Francisco Diá, com suas frases de efeito, tem tido papel importante. Hora de brincar, brincar; hora de falar sério, trabalhar. Os frutos estão aí. E tende a melhorar com a presença de Edson Cariús.

Explanação

O técnico do Ceará, Guto Ferreira, utilizou os números da vitória apertada (1 x 0) sobre o Athletico-PR, tendo por objetivo analisar o desempenho do Ceará. Acima dos números, prefiro analisar o êxito que Guto vem alcançando, mesmo perdendo jogadores fundamentais como Charles, Saulo Mineiro, Mendoza, Jael e Gabriel Dias. É nas situações emergenciais que se vê a competência do treinador.

Velhos tempos

O Guarany de Sobral, com 15 pontos, lidera o Grupo 2 da Série D nacional. Faltam sete rodadas para terminar a primeira fase da competição. Lembra os velhos tempos em que, presidido por Luiz Melo Torquato, ganhou o título de Campeão Brasileiro da Série D 2010, sob o comando do treinador Oliveira Canidé.

Arrasador

O Flamengo, agora sob o comando de Renato Gaúcho, mostrou-se arrasador na goleada (0 x 5) sobre o Bahia em pleno Estádio Pituaçu. Se fizer novamente o Flamengo tão imbatível quanto no tempo de Jorge Jesus, não tenham dúvida de que estará a perigo o cargo de Tite no comando da Seleção Brasileira. Acho difícil um técnico estrangeiro ser contratado pela CBF.

 

 

 



Assuntos Relacionados