OAB-CE realiza 'blitz da bagagem'

Escrito por Redação,

Negócios
Legenda: Ação deve acontecer na próxima sexta-feira (27), das 7h às 14h, no Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza
Foto: Foto: NATINHO RODRIGUES

Tendo em vista a atual tarifa cobrada para despachar bagagens e a futura cobrança de valor para assentos dos voos, como é o caso da Latam que, a partir do dia 16 de agosto, cobrará um custo de R$ 15 nos assentos para passagens da Light e R$ 25 nos assentos para os bilhetes adquiridos na tarifa promo, a Comissão de Defesa do Consumidor da OAB-CE vai realizar a II blitz a favor da campanha "Bagagem Sem Preço", no Aeroporto Internacional Pinto Martins, nesta sexta-feira (27), das 7h às 14h.

A Comissão também vai distribuir cartilhas, panfletos e tirar dúvidas dos consumidores sobre a cobrança das tarifas.

De acordo com o presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da OAB-CE, Sávio Aguiar, a ação tem como objetivo principal conscientizar o turista que faz a utilização do aeroporto.

"Queremos mostrar aos consumidores como a cobrança da bagagem trouxe prejuízos e majorou ainda mais uma tarifa que já era cara. Vamos também apresentar a abordagem de cobrança pela marcação de assento, que será mais um retrocesso dentro das relações de consumo nesse segmento", explica.

Campanha nacional

A iniciativa ocorre em todo o Brasil e é uma campanha da OAB Nacional em parcerias com todas as comissões de defesa do consumidor das Seccionais. No último 26 de junho, a OAB Nacional encaminhou um ofício à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) pedindo providências contra o aumento do preço cobrado pelo despacho de bagagens no Brasil.

O presidente da OAB, Claudio Lamachia, cobra que a agência cumpra seu papel de órgão regulador para proteger o consumidor. Segundo a Ordem, Gol e Azul aumentaram os valores em patamares insustentáveis e injustificáveis.