CNDL pede preços estáveis, e CNI apela pelo fim do movimento

Entidade do comércio apoia caminhoneiros. Para a Indústria, novas paralisações são inaceitáveis