Reportagem Convergências do bem

Tudo por um sorriso

Com paralisia cerebral, Gabriel precisa de R$ 30 mil para tratamento inovador no exterior. Segundo sua mãe, Sâmila Cavalcante, a fibrotomia gradual deve proporcionar mais qualidade de vida ao filho (Foto: Kid Júnior)
00:00 · 04.11.2017 / atualizado às 00:40

Gabriel é presente do céu, é milagre, é risada solta, é nome de anjo. Nasceu saudável, mas ao deixar o hospital, com 43 dias de vida, levou consigo sequelas irreversíveis só confirmadas mais tarde. Hoje, aos 15 anos, ele não fala, não anda nem enxerga, apenas ouve e sente. E é para o garoto se sentir melhor que sua mãe, Sâmila Cavalcante, criou a campanha "Sou amigo do Gabriel", lançada no Facebook, Instagram e, ainda, na Vakinha.Com.

A meta é angariar R$ 30 mil reais para Gabriel realizar um procedimento em Madri, na Espanha, visando melhorar a sua qualidade de vida. A fibrotomia gradual, uma técnica inovadora, deve proporcionar a diminuição da rigidez dos músculos do corpo. O método é feito de forma percutânea, ou seja, não tem corte nem pontos.

O procedimento, orçado em 4 mil euros (fora as despesas de passagem e hospedagem e alimentação), está marcado para o dia 6 de dezembro próximo. A expectativa é grande para que o garotinho passe a ter menos rigidez, mais leveza e um pouco de autonomia nos movimentos, levando em conta que ele depende de ajuda para tudo.

Mesmo com as limitações decorrentes da paralisia cerebral, provocada por uma infecção hospitalar contraída logo após o nascimento, Gabriel sorri, ouve e sente o "cheiro de amor" por parte da família e dos amigos. É mimado por todos, a começar pela mamãe que transborda emoção ao falar do filho, e também pelos irmãos, Rafael, 13, e Melissa, 5 anos.

Sem limites

Pequenina e guerreira, a mãe não mede esforços para buscar alternativas que possam contribuir na saúde e no bem-estar do filho e também da família. Encontrou nas redes sociais um espaço ilimitado para aprender e dividir o que sabe com outros pais que vivem situações semelhantes.

"Foi por meio de um vídeo que eu postei do Gabriel durante a fisioterapia que um terapeuta de Portugal me contactou. Ele me informou sobre este médico russo, Dr. Ulzibat, que é especialista no assunto e que atua na Espanha", explica.

Sem falar uma só palavra em espanhol, Sâmila entrou em contato com a assistente do médico e, mais uma vez, recorreu à rede para fazer a tradução da língua. Logo, ela já estava se comunicando com outras mães do Brasil cujos filhos também passaram pelo procedimento realizado pelo Dr. Ulzibat. "Eu não posso desistir jamais. Gabriel vai crescer, e eu vou envelhecer. Quero fazer o que for possível para o meu filho viver melhor", diz emocionada.

Em 2011, quando ainda não tinha tanto acesso às redes sociais, Sâmila, por meio de outra campanha, foi à Alemanha em busca de um tratamento realizado com células tronco. Passou 29 dias no País e, por fim, descobriu que a clínica utilizava as células tronco dos pacientes saudáveis para outros fins, a exemplo do Gabriel, que nasceu perfeito. Apesar do desencanto e da viagem perdida, a mãe não desanima, alegando ter muita fé, sentimento que "ninguém poderá lhe roubar".

Livro

Todos os capítulos da vida de Gabriel serão contados em livro, com previsão de lançamento para o próximo ano. "Quero primeiro concluir mais esta etapa na Espanha, para depois revelar tudo. Acho que o livro contribuirá muito com as pessoas, assim como as redes sociais têm nos ajudado nesta luta", compara.

Sâmila diz ter recebido, recentemente, a mensagem de uma mãe, com filho especial, que falava o seguinte: "Eu não liguei para ajudar, mas para dizer que vocês estão me ajudando, pois eu já havia desistido de tudo". São essas trocas de experiências pelas redes sociais que vão aproximando as pessoas e fortalecendo a luta de outras famílias.

Afora o mundo virtual, Sâmila e Gabriel contam com vários apoiadores na campanha. Mas tem um grupo muito especial que ela faz questão de ressaltar: os humoristas cearenses. Eles farão o Show de Humor Solidário, no dia 11 de novembro, às 19 horas, na Barraca Chico do Caranguejo, cuja renda será revertida para a campanha "Sou amigo do Gabriel." Em 2011, na arrecadação de fundos para a Alemanha, também colaboraram com outro show.

Com toda a luta, Sâmila ainda arruma tempo para compor e cantar para os filhos. Cada um já ganhou a própria música com letra, melodia e voz. Para Gabriel, a mãe canta "Meu troféu". Impossível não se emocionar com o amor puro e verdadeiro explícito em cada verso. O garoto ouve com atenção a voz doce de sua mãe. Seus olhinhos brilhantes parecem dizer: "obrigado mamãe!"

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.