Egídio Serpa: Candidatos temem as corporações