iniciativa de sucesso

Unifor e Sistema Verdes Mares estimulam empreendedorismo

02:59 · 15.02.2012
( )
Seminário 'O que é o empreendedorismo hoje?' abriu a mostra 'Pioneiros & Empreendedores: A Saga do Desenvolvimento no Brasil', resultado da pesquisa do professor Jacques Marcovitch
Seminário 'O que é o empreendedorismo hoje?' abriu a mostra 'Pioneiros & Empreendedores: A Saga do Desenvolvimento no Brasil', resultado da pesquisa do professor Jacques Marcovitch ( Rafa Eleutério )
Professor Jacques Marcovitch
Professor Jacques Marcovitch ( )
Fátima Veras: empreender é criar algo novo a partir de oportunidades. 'Há riscos, mas coragem é fundamental'
Fátima Veras: empreender é criar algo novo a partir de oportunidades. 'Há riscos, mas coragem é fundamental' ( )
Projeto "Você Empreendedor", que será lançado no próximo mês, foi apresentado ontem

A Universidade de Fortaleza (Unifor) e o Sistema Verdes Mares apresentaram, ontem, o projeto "Você Empreendedor", que será lançado em março próximo e se estende até dezembro deste ano. A explanação foi feita durante o seminário "O que é o empreendedorismo hoje?", no Teatro Celina Queiroz, na Unifor. O evento antecedia a abertura da mostra "Pioneiros & Empreendedores: A Saga do Desenvolvimento no Brasil", ocorrida na noite de ontem. A exposição segue até 13 de maio deste ano.

Segundo a diretora do Centro de Ciências Administrativas da Unifor, Maria Clara Bugarim, o projeto "Você Empreendedor" visa resgatar o comportamento empreendedor, associado a uma consciência ambiental. A partir de março, 16 cadernos sobre temas ligados ao empreendedorismo serão publicados no Diário do Nordeste quinzenalmente. A divulgação consiste ainda na publicação da revista Você Empreendedor, em dezembro de 2012, na veiculação de oito programas Encontro Marcado com Egídio Serpa na TV Diário, sendo um por mês, além da realização de oito seminários na Unifor, a cada mês, com debate entre empresários e alunos. "O coroamento do projeto é a entrega do prêmio ´Você Empreendedor´ aos três melhores empreendedores do ano", diz Bugarim.

Lideranças


Os vencedores serão escolhidos entre os inscritos, que podem ser quaisquer pessoas que liderem um projeto que gere desenvolvimento no Ceará.

Os temas que serão abordados nos cadernos, programa de tevê e seminários se referem a linhas de crédito para micros e pequenas empresas, planos de negócios, financiamento, marketing, formação de preço de venda, recrutamento, impactos ambientais pela atividade produtiva, gestão ambiental, gestão de resíduos, desafio da produção limpa, energia alternativa a pequenos negócios, reciclagem e reaproveitamento, legislação e responsabilidade social.

"Em um mundo globalizado, onde queremos vencer, é preciso difundir o espírito empreendedor, mas não por um sucesso a qualquer custo", analisa Bugarim, defendendo a realização do projeto com a divulgação do tema e premiação.

Curador da exposição "Pioneiros & Empreendedores", Jacques Marcovitch fala sobre o trabalho



Avaliação


Será formado um comitê julgador formado por representantes do BNB (Banco do Nordeste), Sebrae, Coelce, Unifor e Sistema Verdes Mares. Eles irão analisar os projetos inscritos para selecionais os três maiores empreendedores, seguindo como critérios: aumento do volume de venda no ano, ampliação de pessoal contratado, benefícios sociais, diversificação da atividade, nível de profissionalização da gestão, diversificação dos canais.

"Este projeto quer contribuir para concretizar sonhos, pensando na sociedade", avalia a diretora do CCA/Unifor.

Para o diretor comercial do Diário do Nordeste, Antônio Gomes Vidal, o projeto é uma oportunidade de sair do empirismo e contar com a colaboração da universidade. "Pretendemos juntar a comunicação e academia, aproximar ideias e pessoas. Este projeto deve servir de inspiração para quem quer empreender", afirma Vidal.

O vice reitor de Extensão da Unifor, Randal Pompeu, classifica o projeto "Você Empreendedor" como um estímulo ao desenvolvimento do conhecimento, da economia e da sociedade. "Este projeto deriva da exposição, que é o resultado de uma pesquisa acadêmica que identificou os 24 pioneiros empreendedores do Brasil, jovens, criativos, que deram sua contribuição. Agora, vamos premiar os melhores da atualidade", disse.

24 nomes do passado iluminam desafios de hoje

O que o industrial Edson Queiroz, o jornalista Roberto Marinho, o engenheiro Roberto Simonsen tinham em comum? Um sonho e o espírito empreendedor para realizá-lo. Hoje, eles fazem parte de uma lista de 24 nomes. A trajetória desses homens está representada na exposição "Pioneiros & Empreendedores: A Saga do Desenvolvimento no Brasil", no Espaço Cultural da Unifor.

Ao abrir o seminário "O que é o empreendedorismo hoje?", que antecedia a inauguração da exposição, a reitora da Universidade de Fortaleza (Unifor), Fátima Maria Fernandes Veras, defendeu que o empreendedorismo consiste em criar algo novo a partir das oportunidades. "Há riscos, mas devem ser calculados, e coragem é elemento fundamental. Isso não faltou aos protagonistas da exposição", afirmou. "Hoje, o empreendedorismo tem sido abordado com ênfase, mas para difundir a cultura empreendedora, deve-se voltar ao passado e conhecer a história de homens e mulheres que contribuíram com o desenvolvimento econômico. Incentivar a reflexão da cultura empreendedora dos jovens, para melhoria da qualidade de vida, do meio ambiente, política e da sociedade contemporânea, é um compromisso com o desenvolvimento socioeconômico.

O trabalho é do professor de Administração e ex-reitor da Universidade de São Paulo (USP), Jacques Marcovitch.

Para ele, os 24 nomes encontraram oportunidades, apesar dos efeitos da crise econômica de 1930. Diante de um cenário atual com nova crise, Marcovitch compara: "O desafio naquela época era trazer a energia elétrica. Hoje, por exemplo, é trazer a banda larga para integrar e conectar novas comunidades. Os pioneiros transformaram problemas em oportunidades, aceitaram correr riscos, ganharam, perderam, não tiveram medo".

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.