Marun diz que Temer sabia da possibilidade de vaias em local de desabamento

Da ala oposicionista no MDB, Calheiros também lamentou o desabamento do edifício e disse que, "para piorar, o presidente apareceu do nada e teve que sair correndo entre pedras e vaias para evitar cena de ódio incontrolável"