Diz FGV

IPC-S sobe 0,26% na 3ª quadrissemana de fevereiro

De acordo com a FGV, cinco de oito classes de despesas que compõem o IPC-S registraram alívio em suas taxas

08:50 · 23.02.2018 por Estadão Conteúdo
Habitação
Por outro lado, segundo a FGV, registraram aceleração no período os segmentos de Habitação (-0,27% para -0,12%) e Despesas Diversas (0,18% para 0,24%). ( José Leomar )

A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor - Semanal (IPC-S) desacelerou de 0,46% na segunda quadrissemana de fevereiro para 0,26% na terceira leitura do mês, informo nesta sexta-feira (23) a Fundação Getulio Vargas (FGV).

De acordo com a FGV, cinco de oito classes de despesas que compõem o IPC-S registraram alívio em suas taxas, com destaque para Alimentação, que teve queda de 0,07% depois de avanço de 0 47%. 

Além disso, também apresentaram decréscimo nas taxas Educação, Leitura e Recreação (1,46% para 0,73%), Vestuário (-0,21% para -0,77%), Transportes (1,34% para 1,31%) e Comunicação (0,10% para -0,05%).

O grupo Saúde e Cuidados Pessoais repetiu a taxa de variação registrada na última apuração, de 0,50%.

Por outro lado, segundo a FGV, registraram aceleração no período os segmentos de Habitação (-0,27% para -0,12%) e Despesas Diversas (0,18% para 0,24%).

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.