Temporariamente

ANS suspende a venda de 26 planos de saúde de 11 operadoras

Medida começa a valer na próxima segunda (10) e impacta 75,5 mil beneficiários

13:56 · 05.09.2018
plano de saúde
Para que os planos voltem a ser comercializados, as operadoras devem comprovar melhorias no atendimento ( Kid Júnior )

A comercialização de 26 planos de saúde de onze operadoras foram suspensas temporariamente pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) devido a reclamações relacionadas a cobertura assistencial. A medida é resultado do Programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento, realizado a cada três meses, e começa a valer na segunda-feira (10).

Juntos, os planos possuem 75,5 mil beneficiários que, segundo a agência, ficam protegidos com a medida e com a assistência regular a que têm direito garantida. No entanto, para que os planos voltem a ser comercializados, as operadoras devem comprovar melhorias no atendimento.

O Monitoramento da Garantia de Atendimento avalia as operadoras a partir das reclamações registradas pelos beneficiários nos canais da ANS. Nesse ciclo, foram consideradas as demandas (como negativas de cobertura e demora no atendimento) recebidas no 2º trimestre de 2018. O objetivo é estimular as operadoras a qualificarem o atendimento prestado aos consumidores.

Paralelamente à suspensão, neste ciclo houve a reativação de 20 planos de 11 operadoras, que ficam liberados para comercialização a partir do dia 10.

Reclamações

De abril a junho de 2018, a ANS recebeu 17.171 reclamações de natureza assistencial através de seus canais de atendimento. Dessas, 16.189 foram consideradas para análise pelo Programa de Monitoramento.

No período, 93,2% das queixas foram resolvidas pela mediação feita pela ANS via Notificação de Intermediação Preliminar (NIP), garantindo resposta ao problema dos consumidores.

Confira as listas abaixo

Planos com comercialização suspensa 

Planos totalmente reativados 

Planos parcialmente reativados

Classificação de todas as operadoras

Apresentação dos resultados

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.