Combustível

Alta do dólar pressiona preço do diesel

Valorização da moeda norte-americana também compromete efeitos dos subsídios ao combustível

09:11 · 28.08.2018 / atualizado às 09:20 por Redação Diário do Nordeste por Folhapress
A desvalorização cambial das últimas semanas deve levar a um aumento no preço do diesel na próxima sexta-feira (31), quando se inicia uma nova etapa do programa de subvenção ao combustível. Nos últimos dias, com o dólar mais alto, o subsídio de R$ 0,30 concedido pelo governo tem sido insuficiente para cobrir a diferença entre o preço interno e as cotações internacionais.
 
Congelado desde o fim de maio, o preço de venda por refinaras e distribuidoras terá que ser revisto no dia 31, de acordo com a Medida Provisória (MP) que estabeleceu a terceira fase do programa de subvenção, criado no fim de maio para pôr fim à paralisação dos caminhoneiros.
 
A partir de sexta, o preço será calculado com base em uma nova fórmula, que considera o valor, em dólares, do diesel entregue em seis portos brasileiros e custos de importação. Após sugestões do mercado, a ANP incluiu na conta gastos com movimentação e armazenagem nos portos e transporte até os mercados consumidores.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.