Ex-PM estava preso por homicídio quando Flávio Bolsonaro o homenageou

Em outubro de 2015, Flávio Bolsonaro foi o único deputado estadual a votar contra a CPI dos autos de resistência na Assembleia. Ele alegou que a comissão seria mais uma "faca na garganta" do policial.