Greve dos Correios paralisa serviço por tempo indeterminado

Os trabalhadores do Ceará, além de pressionar a decisão do TST sobre as mudanças no plano de saúde da empresa, buscam denunciar as condições de trabalho