TRANSPORTE

Uber agora permite uso de crédito pré-pago

01:00 · 15.06.2018

São Paulo. O Uber começou a permitir que usuários brasileiros do aplicativo usem créditos pré-pagos para pagar pelas corridas no aplicativo. A lógica é a mesma do celular pré-pago: a pessoa vai até um dos 250 mil pontos de recarga, faz um pagamento entre R$ 25 e R$ 200 e a máquina gera um código, que o usuário deve cadastrar no serviço.

O Brasil é o único País em que o Uber vai oferecer essa modalidade de pagamento por ora, beneficiando-se da popularidade dos celulares pré-pagos - hoje, eles são mais de 60% das linhas móveis ativas no Brasil, segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

A empresa americana tenta atrair pessoas que não têm cartão de crédito. Segundo dados da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), só 28% dos consumidores brasileiros fazem uso de cartões de crédito no País.

Mercado brasileiro

Ampliar as opções de pagamento se tornou mais importante para o Uber à medida que a empresa acelerou sua expansão nas regiões metropolitanas das grandes cidades. "O Brasil é o 2º maior mercado para o Uber no mundo em número de corridas", disse Barney Harford, diretor global de operações do Uber. "Queremos oferecer o maior número de opções de pagamento. Os créditos permitem que as pessoas não precisem carregar dinheiro com elas".

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.