Sandy e Junior, Fafá de Belém e peças infantis são destaque da programação cultural de Fortaleza

Veja os eventos que prometem animar a semana dos fortalezenses. Entre as opções, shows, teatro e feira no Aterro da Praia de Iracema

Shows aguardados pelo público de Fortaleza e apresentações no clima de férias marcam a programação cultural da Capital nesta semana. A turnê da dupla Sandy e Junior desembarca na Cidade, prometendo a presença de um público saudoso ao Centro de Eventos. Tem ainda a volta da cantora Fafá de Belém aos palcos com um novo show, além de opções para a garotada que está de férias e quer se entreter no teatro. Confira a programação:

Shows

Turnê "Nossa História", de Sandy e Junior

Sexta-feira (19), às 20h30, no Centro de Eventos. Ingressos: Pista - R$ 222 (inteira) e R$ 110 (meia).

A esperada apresentação da dupla, após 12 anos distantes dos palcos, chega em Fortaleza. Os irmãos iniciaram na última semana uma excursão por dez capitais brasileiras revisando os maiores sucessos da carreira.

Fafá de Belém

Domingo (21), às 20h, no Teatro RioMar Fortaleza. Ingressos: R$ 120 (Plateia Alta), R$ 140 (Plateia Baixa B) e R$ 160 (Plateia Baixa A).

A cantora Fafá de Belém apresenta o show "Humana", baseado no álbum homônimo lançado em abril deste ano. O repertório traz músicas do novo trabalho como "Revelação", single que paraense regravou do cantor Fagner, e "O Outro Lado do Sorriso".

Fernando Catatau e Giovani Cidreira

Quinta-feira (18), no Anfiteatro do Centro Dragão do Mar. Ingressos: R$ 20 (inteira) / R$ 10 (meia)

Em show inédito, Fernando Catatau (Cidadão Instigado) e o baiano Giovani Cidreira apresentam o resultado de um processo aberto em que os músicos criam as composições dias antes da apresentação. O show é baseado em uma experiência de residência artística realizada no Sesc Paulista. Além de explorar novas conexões, eles apresentam músicas das trajetórias individuais.

Festival Pôr do Som

Legenda: O pianista Amaro Freitas (PE), expoente do jazz brasileiro, apresenta-se no festival

Entre terça-feira (16) a sábado (20), no Centro Dragão do Mar. Gratuito.

Músicos da cena instrumental brasileira se apresentam no Festival Pôr do Som, no Centro Dragão do Mar, entre eles Guinga (RJ), Amaro Freitas (PE) e Arismar Espírito Santo (SP). Serão nove apresentações e um jam session. O evento conta ainda com lançamentos de álbuns inéditos dos artistas cearenses Nonato Lima, Ivan Timbó e Stênio Gonçalves, além de oficinas e workshop na Escola Porto Iracema das Artes. 

Teatro 

 "A Cigarra e a Formiga"

Foto: FOTO: ARES SOUSA

Sábado (20) e domingo (21), no Teatro Celina Queiroz. Ingressos: R$ 30 (inteira) / R$ 15 (meia)

O Grupo Mirante de Teatro Unifor apresenta mostra repertório ao longo deste mês no Teatro Celina Queiroz, em comemoração aos 35 anos de existência. Neste fim de semana, eles apresentam o clássico infantil "A Cigarra e a Formiga". O espetáculo conta uma comovente história sobre diferenças e superação dos próprios limites.

Projeto "Tarde com Arte"
Sábado, a partir das 16h, no Espaço Cultural Unifor. Gratuito.

Voltado para o público infantil, o projeto de contação de histórias do Grupo Mirante de Teatro Unifor apresenta um mundo lúdico e mágico nas férias.

"Dizem que é uma estrada mas não passa de uma ausência"

Sábado (20), às 19h, e domingo (21), às 18h, no Teatro Nadir Papi Saboia, anexo ao Theatro José de Alencar. Ingressos: R$ 20 (inteira) / R$ 10 (meia)

Com coral cênico formado apenas por mulheres estreia espetáculo com canções que falam poeticamente sobre solidão, dor e sonhos. O repertório é composto de músicas folk, interpretadas por 20 mulheres, sob direção musical de Carlos do Valle e direção cênica de Bruno Mariano.

"O Mistério do Bosque das Floreiras"

Sexta-feira (19), às 19h, no Teatro Universitário Paschoal Carlos Magno. Ingressos: R$ 10 (inteira) / R$ 5 (meia)

Três bichos diferentes tentam entender suas solidões a partir de uma amizade iniciada por um mistério no bosque. O infantil é realizado por estudante de graduação do curso de Licenciatura em Teatro da Universidade Federal do Ceará (UFC).

"Quem plantou a estrela do Mar?"

Sábado (27), às 17h, no Teatro do Dragão do Mar. Ingressos: R$ 20 (inteira) / R$ 10 (meia)

Montagem do Grupo Alumiar Cenas e Cirandas, a peça infantil conta a história das crianças Mazinha, Dudé, Piaba e Toim que  vêem o mundo sob as ondas do mar e imaginam desbravar o mundo  pelas águas assim como os pais pescadores. Juntas com o Pedro Véio, um velho pescador, elas vão aprender sobre respeito próximo e à natureza e a lidar com a saudade.

Cinema

Mostra "Esperei pra ver no Dragão"

Legenda: Cena do filme "O Anjo", que será exibido no Cinema do Dragão

De quinta-feira (18) a quarta-feira (24), no Cinema do Dragão. Ingressos: R$ 14 (inteira) e R$ 7 (meia)

Seguindo o modelo da "Retroexpectativa", o Cinema do Dragão exibe série de longas-metragens que se se destacaram no circuito alternativo e comercial de cinema durante o primeiro semestre de 2019. São ficções e documentários que ainda não foram exibidos nas salas do cinema do Centro Dragão do Mar. Entre os títulos, estão "Estação Diabo", "Um Elefante", "Sentado Quieto", "Pastor Cláudio", "Happy Hour", "O Anjo" e "O Ano de 1984".

Feira

Feira de Artesanato, Moda e Alimento
De terça-feira (16) a domingo (21), das 17h às 21h, no Aterro da Praia de Iracema. Gratuito.

Durante seis dias, a Feira Fama - Feira de Artesanato, Moda e Alimento - apresenta exposições, oficinas, desfiles, workshops e shows em área montada ao lado da estátua de Iracema. Esta é a 16ª edição do evento, que reúne quase 100 expositores entre microempreendedores e empresas de pequeno porte. Gastronomia, artesanato e design ganham espaço na feira.

Exposição

"La película de chuy y caju"
Sexta-feira (19), às 19h, na Casa Absurda. Gratuito.

Abertura da exposição de Tiago Fontour que reúne fotografias do litoral povoadas pela amplidão do céu e pelos corpos dos rapazes. Com curadoria de Bianca Ziegler e Raisa Cristina, as imagens dão forma à memória afetiva e visual entre praias do Rio de Janeiro e Fortaleza. Na abertura, o fotógrafo realização ação "foto-cabine", registrando visitantes em uma pequena sala da exposição.