Livro "Bernardo Sob o Céu Estrelado" fala sobre os desejos das crianças

O lançamento do livro será feito nesta terça (20), durante a XIII Bienal Internacional do Livro do Ceará,

Legenda: A representação de Bernardo foi feita pelo ilustrador mineiro Edusá

Quando o pequeno Bernardo abriu os olhos para o mundo, se viu encantado com a possibilidade de encarar as estrelas, mesmo de longe. Se essa pode representar a vontade de muitas crianças, é no livro "Bernardo Sob o Céu Estrelado", escrito pelo cearense Vinícios Ferraz, o espaço onde essa história ganha vida e caráter de fio condutor das palavras.

Com lançamento marcado para esta terça-feira (20), durante a XIII Bienal Internacional do Livro do Ceará, a história infantil traz os sonhos de um menino que vive em uma comunidade simples com a família e deseja mais do que ganhar o mundo: quer saber mais do universo.

"O livro relata o sonho infantil, o desejo das crianças de voar, de conhecer o espaço. É um trabalho meu respeitando sobretudo a cultura da infância. Pensei justamente no imaginário dessas crianças, as inquietações que elas possuem", comentou Ferraz em entrevista ao Verso.

De acordo com o autor, a inspiração veio das experiências vividas ainda cedo, quando menino, além das observações feitas atualmente.

Realidade e ficção

Além dos sonhos, Vinícios conta que não abre mão de trazer aspectos da realidade para os produtos literários desenvolvidos por ele. Neste novo livro, por exemplo, a presença da comunidade onde vive Bernardo faz a conexão com o contexto vivido por muitas outras crianças pelo Brasil, que também possuem sonhos imensos indo muito além dos lugares onde habitam.

"Procuro sempre privilegiar as pessoas do nosso Brasil profundo. Sempre tento conceder destaque para as histórias com crianças negras, os indígenas, as meninas e mulheres. É a intenção de trazer sempre personagens concretos e tão presentes nas conjunturas vividas por nós", diz.

Como se um representasse muitos outros, o autor deixa claro as pesquisas e as vivências que têm experimentado nesse sentido. "Na história de Bernardo, trago muita coisa minha, claro, mas é possível ver ali nos traços muita coisa vinda da realidade das crianças nas periferias de hoje. Para isso, já interagi com alguns movimentos sociais, imergi na vida de personagens verdadeiros".

Na Bienal

Mesmo com outros trabalhos já publicados anteriormente, Ferraz não esconde o orgulho em poder participar de um evento com o porte da Bienal. Com cerca de 12 mil metros quadrados dedicados aos livros, o evento chega à 13ª edição neste ano.

Vinícios comenta acreditar no objetivo da Bienal como "espaço de promoção e circulação do saber e da cultura". Além disso, ressalta a importância de incluir as novas gerações no universo dos livros, mesmo que as transformações nesse mercado estejam cada vez maiores.

"Nós estamos em 2019 e vejo muita gente ainda sem acesso a uma questão básica, pessoas das comunidades e dos interiores do Estado. Ter a oportunidade de ver a vivência da literatura ganhar destaque é crucial", reitera ele. Prestes a lançar mais um livro, - neste ano já havia publicado "Tem Índio Pra Todo Lado!" - o autor parece ser como Bernardo em busca das estrelas e quer alcançar ainda mais do que já fez.

Serviço

Lançamento do livro "Bernardo Sob o Céu Estrelado" na XIII Bienal Internacional do Livro do Ceará

Na terça (20), às 19h30, na Praça O Quinze, no Centro de Eventos do Ceará (Av. Washington Soares, 999, Edson Queiroz). Entrada Gratuita.

Bernardo sob o céu estrelado

Vinícios Ferraz Editora

Brasil Tropical

2019, 32 páginas

R$ 36


Assuntos Relacionados