Integração de espaços infantis em estabelecimentos estreitam contato entre famílias

Sem barreiras para a diversão, ambientes oportunizam que as horas de lazer sejam vivenciadas por todos

Legenda: Ielano e o filho, Lucas, investem em jogos tradicionais em barbearia
Foto: Foto: Helene Santos

Sair e deixar os filhos em casa há algum tempo deixou de ser costume para se tornar raridade. Com frequência cada vez maior, adultos e crianças já não possuem barreiras para conviver, sobretudo para além das paredes do lar.

Conforme o farmacêutico e gestor público Ielano Vasconcelos observa, "atualmente, com o tempo mais escasso para quem trabalha durante todo o dia, torna quase obrigatório que as horas de folga sejam destinadas à família e aos filhos".

Não à toa, ao reservar momento para cuidar da aparência, por exemplo, o profissional leva junto também o pequeno Lucas Francisco Girão, de 6 anos, que se deleita ao aproveitar as atividades reservadas no espaço dedicado a crianças na Barbearia Tal Pai, Tal Filho, localizada no bairro Luciano Cavalcante.

E já tem dois anos que esse movimento é ininterrupto, rendendo belas experiências entre os dois envolvendo jogos de dominó, xadrez e futebol de botão.

"A procura por locais que tenham espaço kids se faz necessária para que eles se sintam mais à vontade e possam curtir o ambiente com brincadeiras e brinquedos infantis, além de tornar mais agradável os momentos entre pai e filho em um estabelecimento comercial", analisa Ielano.

Tal dinâmica do compartir onipresente, que transborda e se dilui em vários ambientes, é tendência observada em série de casas do comércio em Fortaleza e no Brasil inteiro, vale ressaltar.

Afinal, já parou para pensar qual foi a última vez, enquanto adulto, que saiu e deixou a prole com parentes ou trancafiada em casa? A cada dia, novas lojas estão captando essa necessidade de estar junto e otimizando áreas dedicadas ao divertir-se.

Legenda: Pais e filhos compartilhando momentos, inclusive em espaços além-casa
Foto: Foto: Helene Santos

"O estabelecimento que não oferece esse tipo de serviço perde clientes que preferem sair com a família e os filhos a lugares que oferecem um tipo de demanda para os pequenos", reitera.

"O que fica mais evidente nesse contato que temos com nossas crianças é a qualidade na formação delas, inclusive nas relações com outras crianças e com o mundo ao redor. A brincadeira, quando estimulada junto à aprendizagem, o respeito à natureza e ao próximo, fica melhor e ajuda na formação infantil, priorizando o amor, a tolerância e o respeito às diferenças", complementa, relatando o quanto passou a conhecer mais sobre o filho por meio do diálogo a partir das saídas juntos.

Compartilhar

Na mesa, massas de pizza espalhadas confundem-se com as pequeninas mãos de uma porção de pimpolhos. Alguns dos dedinhos inquietos são de Larissa, 3, e Mariana, 7, que aproveitam as visitas à Pizzaria Primo Piato, na Aldeota, para mergulhar no ato de aprender brincando.

Legenda: Larissa Rouquayrol e o desbravar por entre sabores e aprendizados a partir de momento em espaço infantil: brincar plural
Foto: Foto: Thiago Gadelha

"Elas adoram", comenta a mãe, a engenheira civil Germana Oliveira Rios. "Fazem biscoitos de pizza, desenham, brincam de pega-pega, cabra-cega... Lá é uma grande família. A monitora, Carminha, é um amor com as crianças".

O afeto pela ida ao estabelecimento entra em sintonia com as impressões de Ielano quando no outro espaço: o momento de descontração deve possuir fluxo abrangente, reunindo gente de maior e menor idade.

"Um programa de adulto que distrai crianças. Quando o estabelecimento não tem atrativo infantil, já sabemos que não iremos devido às nossas filhas", confessa Germana.

Para ela, talvez esta seja uma das melhores formas de modernização do mercado, tendo em vista que, ao investir em bons brinquedos, profissionais treinados e ambientes limpos, os recintos oportunizam a troca e convivência saudável. "Há que se investir em espaços lúdicos, com livros, contação de histórias, quadros para riscar, oficinas... As crianças precisam de espaço, liberdade. Nesses ambientes infantis, elas têm oportunidade de socializar".

Legenda: A pequena Larissa, após fazer massa, levou-a à mãe, Germana
Foto: Foto: Thiago Gadelha

Serviço
Barbearia Tal Pai, Tal Filho
Avenida Washington Soares, 3000, Loja 15, Luciano Cavalcante. Funcionamento: de terça a sábado, das 9h às 20h. Contato: (85) 3247-7111

Pizzaria Primo Piato
Rua Silva Paulet, 1082, Aldeota. Funcionamento: diariamente, das 18h às 23h. Contato: (85) 3249-5555

Você tem interesse em receber mais conteúdo de entretenimento?

Assuntos Relacionados