Mãe de Lázaro Barbosa ainda não sabe da morte do filho, afirma tia do fugitivo

Família ficou isolada por imaginar desfecho do caso

Lázaro Barbosa
Legenda: Lázaro foi visto, nesse domingo, a cerca de 20 quilômetros da base da força-tarefa
Foto: reprodução

A tia de Lázaro Barbosa, Zilda Maria, afirmou que a mãe do foragido, Eva Maria de Souza, ainda não sabe sobre a morte do filho, ocorrida na manhã desta segunda-feira (28). Zilda informou que está a caminho de Barra do Mendes, na Bahia, para informar o acontecido. As informações são do jornal O Globo.

Zilda Maria comentou, em entrevista à TV Anhanguera, afiliada à TV Globo, que a mãe do fugitivo estaria isolada, sem acesso a televisão e aparelho celular. De acordo com a tia, a medida se deu porque a família já pressupunha o desfecho do caso ao fim das buscas.

Também conforme a tia, o local onde o corpo do sobrinho será enterrado — se será na Bahia, onde ele nasceu, ou em Goiás — ainda não foi decidido

Lázaro, de 32 anos, foi capturado e morto nesta segunda após confronto com agentes de segurança envolvidos em força-tarefa que estava ao encalço dele. Ao todo, 270 agentes realizaram buscas, as quais duraram 20 dias.

A captura ocorreu em Itamaracá, em Águas Lindas de Goiás, região na qual o criminoso foi visto na noite desse domingo (27). O governador goiano, Ronaldo Caiado, chegou a divulgar a notícia da prisão momentos antes da informação sobre a morte vir à tona.

Lázaro chegou a ser levado a um hospital, mas não resistiu. Conforme o secretário de Segurança Pública de Goiás, Rodney Miranda, o fugitivo ainda estava vivo quando foi colocado na ambulância.

Crimes de Lázaro

Segundo a Secretaria de Segurança Pública de Goiás, Lázaro era investigado por mais de 30 crimes, cometidos no estado goiano, na Bahia e no Distrito Federal. Ele é suspeito de matar quatro pessoas de uma mesma família em Ceilândia, além de um caseiro de uma fazenda no distrito de Girassol, em Goiás.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o Brasil

Assuntos Relacionados