Prefeito do Rio pretende dispensar obrigatoriedade de máscara em ambientes fechados em novembro

Em ambientes abertos, liberação está prevista para a próxima semana

O prefeito do Rio de Janeiro Eduardo Paes (PSD) disse, nesta quinta-feira (21), que quer liberar o uso de máscaras de proteção contra a Covid-19 em ambientes fechados a partir de 15 de novembro. Segundo ele, nessa data, 75% da população total da cidade deve estar vacinada com duas doses ou dose única. Informações são do O Globo

“Nós seguimos a ciência. No nosso comitê científico, temos dois ex-ministros da Saúde, tenho integrantes de várias instituições, como Fiocruz. Se dependesse de determinados setores, teria fechado a praia. O mundo inteiro estabeleceu a partir da vacinação a abertura”, alegou Paes. 

Ambientes abertos

Já a permissão para não usar máscara em ambientes abertos, de acordo com o prefeito, deve acontecer antes, na próxima terça-feira (26), quando chegar a 65% da cobertura vacinal. “Estou torcendo, rezando e aplicando agulha na próxima semana. Eu respeito o que o Comitê Científico decidir. As regras serão estabelecidas pelo secretário de Saúde”, assegurou. 

A Prefeitura do Rio afirma que só recua da decisão em caso de ordem judicial ou de piora nos índices da pandemia, como aumento no número de casos confirmados e nas buscas por atendimento nas unidades de saúde.  

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o Brasil