PF apreende 10 aeronaves utilizadas por facção para o tráfico internacional de drogas

A Polícia Federal deflagrou a Operação Manifest nesta quinta

Avião apreendido
Legenda: Investigações apontam que a organização criminosa é formada por empresários do setor de aviação agrícola, advogados e pilotos
Foto: PF / Divulgação

A Polícia Federal (PF) apreendeu 10 aeronaves de grupo ligado a uma facção criminosa que as utilizava para o tráfico internacional de drogas. A operação 'Manifest', deflagrada na manhã desta quinta-feira (2), cumpriu 15 mandados de prisão preventiva e 30 de buscas em sete estados brasileiros, além de Brasília. 

Segundo a PF, as aeronaves eram utilizadas para a rota Bolívia-Paraguai-Brasil. Também foram executadas ordens judiciais para bloqueio de imóveis, outros veículos e contas bancárias.  

Investigação

Conforme a Polícia Federal, as investigações começaram a partir de um acidente aéreo ocorrido no município gaúcho de Muitos Capões, em dezembro de 2020. Na ocasião, o avião utilizado para transportar a droga sofreu avarias no momento do pouso, mas permaneceu escondido, em meio à plantação, por cerca de uma semana. 

A apuração policial identificou que a organização criminosa é formada por empresários do setor de aviação agrícola, advogados, pilotos e indivíduos ligados à facção de atuação nacional.

Os crimes identificados, até o momento, são tráfico internacional de drogas, organização criminosa e lavagem de dinheiro.

Policiais chegando para apreensão
Foto: PF Divulgação

Os mandados foram cumpridos nos seguintes estados:

  • Rio Grande do Sul;
  • Santa Catarina;
  • Paraná;
  • São Paulo;
  • Minas Gerais;
  • Mato Grosso do Sul;
  • Roraima.

Telegram

Antes de ir, que tal se atualizar com as notícias mais importantes do dia? Acesse o Telegram do DN e acompanhe o que está acontecendo no Brasil e no mundo com apenas um clique: https://t.me/diario_do_nordeste

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o Brasil