Com 3.321 óbitos em 24 horas, Brasil ultrapassa 378 mil vidas perdidas para a Covid-19

Em 24 horas, também foram confirmados 69.381 casos do novo coronavírus, fazendo o País superar os 14 milhões de registros

Coveiros saindo do cemitério
Legenda: A taxa de letalidade está em 2,7%
Foto: Michael Dantas / AFP/Getty Images

O Brasil registrou 3.321 mortes por Covid-19 nesta terça-feira (20), elevando para 378.003 o número de vidas perdidas para a doença desde o início da pandemia. Os dados são do Ministério da Sáude (MS). 

A taxa de letalidade está em 2,7%. Em 24 horas, também foram confirmados 69.381 casos do novo coronavírus. Com isso, já são 14.043.076 pessoas contaminadas até hoje. 

No último dia 8 de abril, o Brasil bateu um recorde trágico, com 4.249 óbitos pela doença. O País ultrapassou a marca de 4 mil mortes diárias em 6 de abril, quando o boletim epidemiológico indicou 4.195 vidas perdidas.

Ceará 

O Ceará perdeu 16.452 vidas para a Covid-19 desde o início da pandemia, conforme a plataforma IntegraSUS, atualizada às 17h desta terça pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesa). Em 24 horas, três pessoas morreram.

Outros 981 óbitos suspeitos são investigados. A letalidade da doença é de 2.62% no Estado. 

Mortes nos municípios

Fortaleza registrou o maior número de óbitos desde o início da pandemia, totalizando 7.107. Em seguida, aparecem Caucaia (658), Maracanaú (528), Sobral (525) e Juazeiro do Norte (416). 

Casos

O número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus chega a 627.692, no Estado. Ao todo, foram notificados 1.758.250 casos suspeitos e 94.523 ainda estão em investigação. 

Também é na Capital onde se concentra o maior quantitativo de casos confirmados da doença (191.705). Depois, Sobral (20.677), Juazeiro do Norte (20.271) e Caucaia (17.817). 

Internações

Neste oitavo dia de flexibilização do isolamento social, que começou no último dia 12 de abril, 96,21% das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) para pacientes adultos com Covid-19 estão ocupadas, no Ceará.

As UTIs infantil e neonatal estão com 74,58% e 52% de ocupação, respectivamente, segundo o IntegraSUS. Já as enfermarias para adultos estão com 85,35% de ocupação.

Nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), 434 pessoas com o novo coronavírus são atendidas, 189 estão em máscara de reservatório e 101 em ventilação mecânica. 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o Brasil