Menino pula, mostra língua e dança durante entrevista do pai a emissora de TV; assista

Caso viralizou na internet

O economista alemão Jacob Funk Kirkegaard, membro sênior do German Marshall Fund (GMF), estava em casa, analisando a demissão do presidente do Banco Central da Alemanha ao vivo para a Bloomberg News, quando o filho dele decidiu chamar atenção às suas costas com dancinhas e caretas direcionadas para a câmera. O caso, claro, viralizou nas redes sociais. 

Assim que percebe o pai de frente para o computador falando sobre a situação econômica do País, o menino, que estava de passagem pela sala, decide pular, mostrar a língua, rir e fazer dancinhas engraçadas para a câmera, sem saber onde iria parar a travessura. 

Jacob, de início, não parece perceber a presença do filho e se mantém atento à entrevista. Até que o apresentador do programa, Jonathan Ferro, não resiste e intervém, às risadas: “Seu filho trabalha para o governo grego?” — isso porque a Alemanha teria sido rigorosa com a Grécia durante a crise econômica do país que por anos abalou a União Europeia. 

O economista, então, se rende, ri junto e tenta tirar o filho da sala, que já estava brincando com um grampeador perto do seu braço. 

O menino sai, mas sai “trotando” e ainda rindo, “gaiato”. 

Outras “invasões” 

Com o aumento do teletrabalho provocado pela pandemia de Covid-19, aumentou, também, o número de “invasões” do tipo em entrevistas, aulas, reuniões e outras apresentações online.  

O cientista político americano Robert Kelly em casa, com os dois filhos pequenos atrás.
Legenda: O cientista político americano Robert Kelly estava em casa, dando entrevista à BBC, quando seus dois filhos pequenos invadiram o quarto.
Foto: Reprodução/BBC

Porém, um dos casos mais célebres aconteceu em 2017, quando os filhos do cientista político americano Robert Kelly entraram brincando no quarto no momento em que o pai concedia entrevista à rede britânica BBC e a mãe dos pequenos chegou logo depois, desesperada, tentando, sem sucesso, evitar que os filhos aparecessem ao vivo às costas do pai.  

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo