Massacre em clínica médica na Alemanha deixa quatro mortos e um ferido

Investigadores de Petsdam, cidade vizinha a Berlim, anunciaram que uma funcionária do estabelecimento pode ter cometido os crimes

PETSDAM ALEMANHA
Legenda: Vítimas foram encontradas em quartos da clínica
Foto: Paul Zinken/DPA via AP

Quatro pessoas morreram e uma ficou gravemente ferida em uma clínica médica para pessoas com deficiência em Potsdam, perto de Berlim. Uma funcionária do estabelecimento foi presa sob suspeita de ser a autora do massacre.

A polícia local informou em comunicado que os ferimentos apresentados pelas vítimas "são o resultado do uso de violência intensa, extrema". A nota não indica os detalhes sobre as circunstâncias das mortes.

As quatro vítimas fatais foram encontradas durante a noite em seus quartos da clínica de Potsdam, cidade vizinha de Berlim.

Sobre a funcionária de 51 anos presa "pesam fortes suspeitas" de ser a autora dos crimes", anunciaram os investigadores.

A clínica Thusnelda-von-Saldern-Haus é especializada em pessoas com deficiência, física ou mental.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo