Homem de 40 anos morre após ficar preso em estátua de dinossauro na Espanha

Ainda não se sabe as causas que levaram a vítima a entrar no enorme estegossauro decorativo

Homem de 40 anos morre após ficar preso em estátua de dinossauro na Espanha
Legenda: Às vezes usado por pessoas sem-teto para pernoitarem, a escultura tinha uma placa, na barriga, que podia ser removida
Foto: reprodução/Google Maps

Um homem de 40 anos faleceu após ficar preso no interior de uma estátua de dinossauro em Santa Coloma de Gramanet, cidade próximo à Barcelona, Espanha. A informação foi divulgada pela polícia nesta terça-feira (25).

Ainda não se sabe as causas que levaram a vítima a entrar no enorme estegossauro decorativo, de onde não conseguiu sair, disse à AFP uma porta-voz da Mossos d'Esquadra, a polícia catalã.

"Tudo aponta para uma morte acidental", afirmou a porta-voz, que disse que, após investigar os fatos, a polícia não encontrou "nenhum indício de criminalidade".

O homem foi encontrado após as autoridades receberem um aviso no sábado (22). Segundo a imprensa catalã, um pai e o filho, que brincavam no local, descobriram haver um corpo na estátua jurássica, elemento decorativo de cinemas próximos já fechados, e alertaram a polícia. 

"Fomos ao local e vimos que, dentro do dinossauro, havia uma pessoa morta", relatou a porta-voz.

Para poder retirar o corpo, os bombeiros tiveram que cortar uma das patas da escultura, feita de uma estrutura metálica recoberta de papel-machê.

Fontes policiais citadas pela imprensa informaram que as hipóteses em andamento são de que o homem entrou no dinossauro para dormir ali, ou tentar recuperar algum objeto, como um telefone celular, que pode ter caído ali e ficou preso.

Às vezes usado por pessoas sem-teto para pernoitarem, o dinossauro tinha uma placa, na barriga, que podia ser removida. Foi por ela que o homem conseguir entrar na escultura. 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo