Criminosos invadem e furtam sede de conselho comunitário em Maracanaú

Ventiladores, uma bicicleta e fiações elétricas foram levados do local

Esta é uma imagem.
Legenda: A Sede do Conselho Comunitário foi invadida pelo teto.
Foto: Darley Melo

Ventiladores, uma bicicleta e fiações elétricas foram furtadas da sede do Conselho Comunitário de Defesa Social (CCDS) do Conjunto Timbó, durante uma invasão à Instituição, no município de Maracanaú, Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). O crime ocorreu na manhã da última segunda-feira (1º) e é investigado pela Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE)

De acordo com o presidente do Conselho Comunitário, Francisco Evandro Araújo, o local funciona como um centro de atividades esportivas e religiosas para a comunidade, há mais de 20 anos. Porém, encontra-se fechada em decorrência da pandemia do novo coronavírus. 

Ao ir à sede do CCDS para fazer a vistoria diária, na manhã de segunda-feira (1º), o conselheiro encontrou a propriedade parcialmente destruída. Segundo ele, suspeitos invadiram o imóvel ao destelhar o teto e quebrar o forro. Em seguida, arrombaram a porta da cozinha e furtaram um botijão de gás, um ventilador e uma bicicleta.

Depois, os criminosos furtaram parte da fiação elétrica e lâmpadas do local e ainda arrombaram o escritório do conselho, de onde levaram outros dois ventiladores. E fugiram, em seguida, pelo telhado do banheiro.

Polícia está em busca dos suspeitos

Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), as Polícias Civil e Militar estão em diligência no intuito de identificar a autoria do  furto qualificado e o caso é investigado pelo 21º DP (Timbó)

A Pasta informou ainda que uma equipe da  Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) foi acionada para realizar uma perícia no imóvel.

A população pode ajudar nas investigações da Polícia ao repassar informações sobre o caso. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque-Denúncia da SSPDS, ou para o telefone (85) 3101-2828, do 21º DP. Conforme a Instituição, o sigilo e o anonimato são garantidos.