Quatro semirreboques são apreendidos pela PRF e três homens são presos por adulterações nos veículos

As apreensões ocorreras nas cidades de Chorozinho e São Gonçalo do Amarante, no Ceará

Legenda: PRF apreendeu quatro veículos semirreboques em um único dia em rodovias federais do Ceará.
Foto: Divulgação/PRF

Quatro veículos semirreboques foram apreendidos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) e três homens foram presos na tarde desta quinta-feira (6) nas cidades de Chorozinho e São Gonçalo do Amarante, no Ceará. Os transportes apresentavam marcas de adulteração dos elementos identificadores.

Conforme a PRF, o primeiro semirreboque apreendido ocorreu no quilômetro 60 da BR-222, em São Gonçalo do Amarante, por volta das 17h. Os agentes da PRF abordaram uma carreta Volvo, conduzida por um homem de 51 anos. Após fiscalização, foi constatado que o semirreboque - a parte onde a carga é levada em uma carreta -, apresentava indícios de adulteração.

No local, os policiais rodoviários encontraram as outras marcas de identificação do veículo e constataram que se tratava de um outro semirreboque com características semelhantes, sobre o qual existiam várias restrições judiciais da Justiça do Trabalho, Tribunal Regional Federal da 5ª Região e Tribunal de Justiça do Ceará, tendo o veículo sido clonado com o objetivo de impedir a apreensão pela justiça.

O proprietário do veículo, de 51 anos, foi preso em flagrante pelo crime de fraude processual. A ocorrência foi levada para a Delegacia Metropolitana de Caucaia.

Apreensões na BR-116

De acordo com a PRF, duas abordagens foram feitas no quilômetro 71 da rodovia federal BR-116, em Chorozinho. Na primeira, por volta das 15h30, policiais abordaram um caminhão cujo semirreboque era de marca aparente da Rondon.

Após análise da documentação e dos identificadores do veículo, foi constatado que o semirreboque era da marca Noma. O caminhoneiro e o semirreboque adulterado foram encaminhados para a Polícia Civil de Chorozinho.

Ainda na BR-116, por volta das 18h30, a equipe da PRF abordou uma carreta Man TGX, com placas do Ceará, puxando três semirreboques aparentemente da marca Imperial. Ao fazerem a verificação, os policiais constataram que a marca dos veículos era, na verdade, Guerra. O motorista e os veículos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Horizonte.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança

Assuntos Relacionados