PM afirma que perdeu carregador e 17 munições durante perseguição a suspeito de estar com granada

Os dois adultos detidos na ação já tiveram a prisão preventiva decretada pela Justiça e foram indiciados pela Polícia Civil

Escrito por Redação,

Segurança
policiais e viaturas em avenida de fortaleza
Legenda: Agentes do Bope foram acionados para desativar granada que estava na posse dos criminosos
Foto: Rafaela Duarte

Um suspeito de integrar o grupo criminoso que estava na posse de uma granada, no bairro Pirambu, em Fortaleza, na última quarta-feira (5), conseguiu fugir. Um policial militar que participou da perseguição ao criminoso afirmou à Polícia Civil do Ceará (PCCE) que, naquele momento, perdeu um carregador de pistola 9mm com 17 munições.

A informação foi revelada por um subtenente da Polícia Militar do Ceará (PMCE) em documento que a reportagem teve acesso, referente à captura de quatro jovens que portavam três armas de fogo e uma granada. A suspeita da Polícia é que a quadrilha planejava cometer uma chacina com esse armamento.

O PM afirmou ainda que feriu a coxa esquerda durante a perseguição. Questionada sobre a perda do armamento pelo militar, a Polícia Militar do Ceará informou que "o caso será apurado internamente por meio de Inquérito Policial Militar (IPM)".

Prisão convertida e suspeitos indiciados

O suspeito que fugiu foi identificado apenas como 'Zé'. Na ação policial, foram presos em flagrante Rafael da Silva Moreira e José Geová Santos de Souza, ambos com 18 anos, e capturados dois adolescentes, de 17 e 16 anos. O grupo negou pertencer a facção criminosa, mas confessou que mora em uma região dominada por uma facção carioca.

Rafael Moreira e José Geová de Souza já tiveram a prisão em flagrante convertida em prisão preventiva, pela Justiça Estadual; e foram indiciados pelo 7º DP (Pirambu), da Polícia Civil, pelos crimes de posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, associação criminosa, receptação e corrupção de menores.

12
Os adolescentes devem responder por atos infracionais análogos a posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e receptação. Um deles, de apenas 17 anos, chegou ao 12º procedimento criminal na vida: antes, já respondia a três homicídios, uma tentativa de homicídio, uma lesão corporal, duas ameaças, três danos e uma injúria.

suspeitos chegando algemados na DCA em fortaleza
Legenda: Dois adolescentes e dois adultos foram capturados e levados à DCA
Foto: Rafaela Duarte

Granada de uso exclusivo das Forças Armadas

A granada encontrada com o grupo criminoso, dentro de um veículo, era de uso exclusivo das Forças Armadas do Brasil. O Batalhão de Operações Especiais (Bope), da Polícia Militar, precisou ser chamado para desativar e apreender o explosivo.

Além da granada, foram apreendidos na abordagem duas pistolas calibre 380, um revólver calibre 38, 34 munições e um veículo Renault Sandero que havia sido roubado e estava com a placa adulterada. O automóvel já foi devolvido ao proprietário.