Universitária e servidores municipais que chefiavam facção e 68 comparsas são soltos pela Justiça

O juiz considerou que o grupo já estava preso há mais de 90 dias, prazo não razoável, segundo a decisão