Paulista e baiano são presos por aplicar golpe do 'cartão cortado' em idosos

Dupla estava hospedada em flat de luxo na Avenida Beira-Mar

Foto: Foto: João Pedro Ribeiro

Um paulista e um baiano foram presos nesta terça-feira (13) por aplicar o golpe do "cartão de crédito cortado" contra idosos em Fortaleza. O primeiro suspeito foi preso em um prédio no Bairro Meireles e o segundo na Avenida Beira-Mar. A dupla estava hospedada há cinco dias em um flat de luxo. 

De acordo com a delegada do 2º Distrito Policial, Socorro Portela, os suspeitos sempre escolhiam mulheres idosas e geralmente ligavam para um telefone fixo. A dupla telefonou para uma idosa de 85 anos e a mulher desconfiou da ligação, avisando aos parentes. Em seguida, os familiares, entraram em contato com os policiais. Por telefone, os suspeitos pediram que a idosa confirmasse uma compra e pediram a senha do cartão alegando que havia sido clonado. Na ligação, os suspeitos também chegaram a pedir que a mulher cortasse o cartão ao meio.

Um dos suspeitos, Elinaldo Silva de Jesus, 31 anos, natural da Bahia, foi até o prédio da moradora para pegar o cartão e foi preso pela polícia civil. O comparsa identificado como Júlio César Michelan, 27 anos, foi preso no flat da Avenida Beira-Mar.

Com a dupla, os agentes apreeenderam maquinetas de cartões de crédito, dois celulares e seis cartões de crédito. Os homens vão responder por crimes de estelionato e associação criminosa. 

Ainda segundo a delegada, os dois homens moravam em São Paulo e estavam em Fortaleza há poucos dias. A dupla contava com a ajuda de mais outras duas pessoas no estado onde viviam. 
 


Categorias Relacionadas