Motorista de Hilux que arrastou motocicleta na Beira Mar é intimado a depor

Segundo a SSPDS, o condutor do automóvel foi identificado e deve prestar esclarecimentos no 2º Distrito Policial

Foto: Foto: Reprodução

A Polícia Civil do Ceará intimou o motorista do veículo Toyota Hilux, envolvido em um acidente e briga de trânsito na Avenida Beira Mar. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o condutor deve prestar esclarecimentos no 2º Distrito Policial (Aldeota), unidade responsável pela investigação.

Populares registraram as cenas da discussão entre o motorista da Hilux e o proprietário de uma motocicleta. Após a colisão, o dono do automóvel arrastou a motocicleta por metros, destruindo o veículo.

Conforme Boletim de Ocorrência registrado por Nuan Nobre, dono da motocicleta, ele estava no trânsito, na Beira Mar, e não tinha como passar entre os carros. Nuan afirma ter parado a moto na frente da Hilux e, em seguida, o carro encostou na traseira da moto.

"Eu disse: Você bateu na minha moto, e ele botou o corpo pra fora do carro dizendo: 'Você está atrapalhando o trânsito'. Nisso, ele botou o carro para frente e bateu na minha moto, travando, não dava para ir nem para frente nem para trás. Eu desci, ele subiu o vidro. Nesse momento, ele acelerou, derrubou minha moto e ficou debaixo do carro. Foi quando abri a porta do carro e pedi a ele pra descer. Ele disse que não ia descer e arrastou", afirmou a vítima.

Conforme Nuan, quando ele viu a moto sendo arrastada, não teve reação: "Uma moça me deu carona e vi ele entrando em um condomínio. Liguei para a Polícia. Se ele fez isso com a moto, poderia ter feito comigo em cima dela. Minha moto é para trabalho", acrescentou. O proprietário da Hilux é tratado como suspeito por danos contra a vítima.