Granada de gás, armas e drogas são encontradas dentro de residência no Passaré

Operação da polícia na região tinha o objetivo de encontrar suspeitos pela morte do policial civil José Valdenir de Sousa. Inspetor foi morto na última segunda-feira (16), no bairro Maraponga

Legenda: O material foi recolhido e encaminhado para a sede da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF)
Foto: Polícia Civil

A Polícia Civil apreendeu na tarde desta quarta-feira (18) uma granada de gás, armas e drogas em Fortaleza. A apreensão ocorreu próximo à Comunidade da Rosalina, no bairro Passaré. A polícia afirmou que a operação ocorria na região com o intuito de prender os suspeitos da morte do policial civil José Valdenir de Sousa de 49 anos, assassinado na última segunda-feira (16), no bairro Maraponga durante uma tentativa de assalto. 

Segundo a polícia, as investigações iniciaram após uma equipe do 30° Distrito Policial receber uma denúncia anônima, via WhatsApp, acerca da localização dos suspeitos de terem participado no latrocínio.  Os policiais civis foram até o local para averiguar a informação e constar o fato. Ao se aproximarem da casa, os agentes avistaram dois indivíduos que correram em direção a um matagal. Apesar dos esforços para prender os suspeitos, os alvos fugiram e são procurados pela polícia. 

Granada, revólver, munições e drogas

Dentro da residência, os policiais encontraram uma granada de gás, um revólver calibre 38, duas munições de mesmo calibre, 900 gramas de maconha, 40 gramas de cocaína e 19 gramas de crack.  O material foi recolhido e encaminhado para a sede da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), onde foi pesado e conferido. As buscas pelos suspeitos estão mantidas. Participaram da ação policial equipes do 30° Distrito Policial e da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF).