Dupla é presa com mais de 600 selos da droga LSD em residência na Parangaba

Na casa dos suspeitos, a polícia apreendeu drogas como skank, cogumelo, haxixe, sementes de maconha, incluindo sementes geneticamente modificadas, e uma balança

Legenda: Drogas apreendidas pela polícia na residência dos suspeitos no Bairro Parangaba, em Fortaleza
Foto: Marina Alcântara/SVM

Uma dupla foi presa em uma residência no bairro Parangaba, em Fortaleza, por tráfico de drogas, na manhã desta quinta-feira (31). No local, a polícia apreendeu 638 selos da droga LSD, ácido lisérgico; sementes de maconha geneticamente modificadas, uma balança e drogas como: skank, cogumelo, haxixe, sementes de maconha, incluíndo sementes geneticamente modificadas, e uma balança.

De acordo com o delegado Marciliano Ribeiro, titular da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD), Jordan Kesler Pereira, 26 anos, e Mateus Lima de Oliveira, 22 anos, dividiam a mesma residência e foram presos após investigação aprofundadas da polícia.

Jorge Jordan Kesler, com antecedentes criminais por tráfico de drogas e que já havia sido preso em 2015 pelo mesmo crime, resistiu à prisão e foi preciso ser contido por policiais. Os 638 selos de LSD foram encontrados com ele.

Mateus Lima de Oliveira, sem passagem pela polícia, disse aos agentes que estava desempregado e que precisava de dinheiro para pagar as contas. De acordo com o delegado, Mateus alegou que começou a atividade do tráfico por conta das circunstâncias.

Ainda na casa dos suspeitos, estava a namorada de Mateus que foi ouvida e liberada, em seguida. Mateus e Jordan foram levados para a Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas e serão transferidos para a Delegacia de Capturas.

 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre segurança