Horto Municipal deve ampliar verde de Sobral

O equipamento reforça a instalação do Plano de Arborização do Município do Norte do Estado

Legenda: Instalado por parceria entre a Prefeitura de Sobral e a iniciativa privada, o Horto substitui o antigo Banco de Mudas, que já não atendia adequadamente a crescente demanda por verde nas áreas públicas da Cidade
Foto: Foto: Marcelino Júnior

Sobral. Localizado no Serrote do Piaba, distrito de Bonfim, o novo Horto Municipal José Cysne Frota, inaugurado nesta quinta-feira (26), tem o objetivo de produzir, anualmente, cerca de cem mil mudas de plantas diversas, entre espécies nativas, frutíferas, ornamentais e medicinais, para atender a demanda de plantios em áreas públicas da cidade.

O equipamento, instalado por meio de parceria entre o Poder Público Municipal e a iniciativa privada, substitui o antigo Banco de Mudas, que não atendia mais a crescente demanda por mais verde em áreas públicas, como canteiros centrais, calçadas, ou até mesmo, residências. As novas instalações, dentro de uma área de cinco hectares, contêm espécies comuns ao Semiárido, que se encontram ameaçadas de desaparecer, pela falta de conservação e avançada substituição por espécies de outras regiões.

Plano

Por meio da Agência Municipal de Meio Ambiente (Ama), a Prefeitura pretende lançar, ainda no mês de agosto, em audiência pública, as diretrizes do Plano de Arborização. Após apurado diagnóstico dos tipos de árvores, seu quantitativo, e onde elas se encontram, pretende cobrir uma eventual deficiência.

"A Organização Mundial de Saúde estima a existência de uma árvore para cada pessoa, no mundo. Pensamos que, dessa forma, deveríamos ter cerca de 200 mil espécies na nossa cidade, levando em consideração a população. Além de aumentar, consideravelmente, as áreas verdes, outra questão levantada pelo Plano é saber que tipo de árvore deve ser plantada em determinado espaço público", explica Jorge Trindade, superintendente da Ama.

Pesquisa

As mudas também serão disponibilizadas gratuitamente para a população que desejar ter plantas em torno de suas casas, quer sejam propriedades urbanas ou rurais. O novo Horto, a cerca de 6Km da sede de Sobral, também servirá como espaço para Educação Ambiental, ao receber a visita de escolas da rede pública e universidades. "Esse espaço, bem mais amplo, que surge como resultado de uma compensação ambiental, por parte da iniciativa privada, nos deixa muito felizes em poder realizar o sonho de ampliar a possibilidade de mais áreas verdes na nossa cidade, melhorando a temperatura", planeja o prefeito Ivo Gomes.

"A iniciativa é importante, não apenas pela produção e arborização da cidade com plantas nativas, mas pela geração de emprego em um campo que pode ser ampliado para estudantes e pesquisadores", reforça Bianca de Freitas Terra, professora de Biologia da Universidade Vale do Acaraú (UVA).