Correnteza arrasta carro de ex-prefeito de Assaré, na região do Cariri

O político tentava atravessar uma passagem molhada quando teve o carro quase submerso pela água

Foto: Fotos: VcRepórter

Os estragos causados pelas fortes chuvas não ficaram restritos as regiões Norte, Centro-Sul, Ibiapaba e Inhamuns. Na cidade de Assaré, no Cariri cearense, o volume de barragens e rios subiu, prejudicando o tráfego de pessoas e veículos por estradas vicinais. 

Na comunidade Baixa do Riacho Caldeirão, a principal passagem molhada que dá acesso a localidade ficou encoberta pela água. Com a força da correnteza, o carro do ex-prefeito de Assaré, Antonio Benjamim de Oliveira, ficou quase que completamente submerso. O político, que tentava atravessar o trecho inundado, não ficou ferido.

Chuva deixa carros submersos e pessoas desalojadas no Sertão dos Inhamuns, Vale do Jaguaribe e Norte

Chuva intensa invade casas, comércios e deixa pelo menos 40 famílias desalojadas em Hidrolândia

Assaré é uma das cidades cearenses que lidera o ranking de maiores volumes de chuvas neste mês de março. Em 25 dias, choveu 298.8 milímetros no Município, o que representa quase 63% acima da média histórica para o período, que é de 183.9 mm.

Até agora, a cidade de Moraújo, no Litoral Norte, apresenta o maior desvio positivo de chuva. Por lá, a Funceme registrou, até a manhã desta quarta-feira (25), o acumulado de 551 milímetros, isto é, 90,5% acima do esperado para todo o mês (289.3 mm).

 


Categorias Relacionadas