Cidades do Litoral do Ceará recebem os maiores acumulados de chuvas entre quarta e quinta-feira

Maior chuva foi registrada no município de Amontada, no Litoral Oeste, com 63 milímetros

Legenda: Tempo nublado na Praia do Cumbuco, em Caucaia.
Foto: Maria José

O balanço da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) apontou que as cidades localizadas no litoral cearense registraram os maiores acumulados de precipitações entre as 7h desta quarta-feira (17) e as 7h desta quinta-feira (18). Houve chuvas em eplo menos 54 municípios. Destaque para Amontada, no Litoral Oeste com 63 milímetros, Fortaleza (54,4 milímetros/Posto Pici), Itapipoca (43,8 milímetros), Aracati (40 milímetros), Itarema (37 milímetros) e São Gonçalo do Amarante (29 milímetros).

Previsão para os próximos dias

As macrorregiões localizadas no centro-norte do Ceará seguem, até a próxima sexta (19) com possibilidade de chuva, conforme previsão do tempo do órgão. 

O atual cenário se dá pela aproximação de áreas de instabilidade que formaram tanto sobre o oceano Atlântico como a leste da região Nordeste. Em conjunto com sistemas indutores de chuva como a brisa, o Maciço de Baturité, o norte da região Jaguaribana e ainda os litorais de Fortaleza e Pecém deverão registrar acumulados entre a tarde e a noite de hoje.

Já nesta quinta-feira (18), a previsão é semelhante, com expectativa de precipitações em Fortaleza e Região Metropolitana entre madrugada e manhã. Na sexta, a Funceme acrescenta, neste momento, além das macrorregiões do centro-norte, o Sertão Central e Inhamuns.

Ao longo destes três dias, a tendência é de nebulosidade variável com chuvas passageiras e de intensidade variando entre fraca e moderada, principalmente.

Dez maiores chuvas por posto no dia:

  1. Amontada (Posto: Icarai De Amontada) : 63.0 mm
  2. Amontada (Posto: Barra Das Moitas) : 63.0 mm
  3. Fortaleza (Posto: Pici) : 54.4 mm
  4. Itapipoca (Posto: Praia Da Baleia) : 43.8 mm
  5. Fortaleza (Posto: Messejana) : 40.4 mm
  6. Aracati (Posto: Mata Fresca) : 40.0 mm
  7. Itarema (Posto: Itarema) : 37.0 mm
  8. São Gonçalo Do Amarante (Posto: Santo Amaro) : 29.0 mm
  9. Mulungu (Posto: Mulungu) : 28.0 mm
  10. Quixeramobim (Posto: Belem) : 23.0 mm

Situação dos principais açudes
O Ceará possui 25 reservatórios monitorados sangrando. Além disso, 57 estão com volume entre 90% e 99%. O Castanhão, maior reservatório cearense, chegou a 16,08% de sua capacidade. O Orós está com 27,89% e o Banabuiú com 14,32%. Os dados são da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh).

Quero receber conteúdos exclusivos sobre as regiões do Ceará