Amanhã terá Moto Romaria para Canindé

O Santuário de São Francisco é lugar para o cumprimento de promessas durante a programação

Legenda: Como nas edições anteriores, os participantes recebem as bênçãos na Igreja Matriz e prestigiam a louvação ao padroeiro do município
Foto: FOTO: ANTÔ. CARLOS ALVES

Canindé. Movidos por sentimentos de fé, coragem e aventura, ao som de músicas religiosas que reverenciam São Francisco, Nossa Senhora Aparecida e Santo Antônio, cerca de 40 mil motociclistas partirão em romaria amanhã, às 8 horas, de Fortaleza ao santuário de São Francisco das Chagas, em Canindé. A 28ª Moto Romaria Fortaleza-Canindé irá reunir milhares de fiéis, com o tema "Homens e máquinas no ato de fé e solidariedade".

O grupo deverá chegar a Canindé por volta das 10h. Os motociclistas serão divididos em dois grupos. O primeiro é composto por Moto Clubes, com motocicletas de grande porte. São clubes como os Guerreiros do Sol, Dragões Indomáveis, Esquadrão do Asfalto e Cobras do Asfalto, que viajarão numa velocidade de até 100km por hora. E acompanhando um trio elétrico irá o segundo grupo, que será composto por motos de pequeno porte, que seguirão viagem numa velocidade de até 60km/h.

O organizador da Moto Romaria, Edson Peixoto Maia, é o fundador do Moto Clube Esquadrão do Asfalto e integrante do Moto Clube Dragões Indomáveis. Maia explica que, como a estrada está em boas condições, o evento de domingo irá atrair um grande número de participantes. A organização espera entre 35 mil e 40 mil motociclistas, mesma previsão de participantes da edição do ano passado.

Os interessados pagam o valor de R$ 15,00 pela camisa de mangas curtas e R$ 20,00 no modelo de mangas longas. O dinheiro será destinado a duas entidades filantrópicas: o Iprede, que cuida de crianças na Capital e o Hospital Regional São Francisco de Canindé.

"É importante ressaltar que se trata de um evento religioso, um encontro com a fé", diz Maia. "Fazemos de tudo para que a romaria ocorra sem problemas", completa. O evento será acompanhado por 30 homens da Polícia Rodoviária Federal (PRF) com 20 motocicletas, dez carros e uma UTI móvel. "Também nos acompanham uma ambulância do Corpo dos Bombeiros".

Uma ambulância do Serviço Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Grupo de Socorro de Urgência (GSU) e dez guardas municipais de Canindé, além de três caminhões de apoio, da organização do evento, compõem estrutura para realizar o eventual conserto de motocicletas durante a viagem.

O evento conta com o patrocínio de empresas como a Mobil Super Moto, Penta Pneus, AP Motos, Pirelli, Crasa Motos, Suzuki, Global Motos, Moto Maia e Edzill Cópias, segundo Maia.

Ele participou de todas as 20 edições da Moto Romaria já realizadas. Nas últimas 15, foi organizador do evento. "Da primeira edição, que aconteceu no ano de 1979, participaram apenas 15 motos. Hoje, o evento cresceu muito e recebe milhares de participantes", explica.

"Em consequência de um acidente grave, ocorrido na década de 1980, os integrantes da romaria perderam um pouco o entusiasmo. Foi quando eu passei a coordenar a organização, já que tinha feita a promessa de visitar São Francisco todo ano, que até hoje cumpro com fé'', afirma.

Em Canindé, os motos romeiros receberão as bênçãos dos capacetes e motos na Praça do Romeiro pelo pároco e reitor do Santuário, frei João Amilton dos Santos. Em seguida, Edson Maia recebe a chave da cidade do prefeito Celso Crisóstomo. "Vamos entregar a cidade a esses romeiros que, a cada ano, tiram um dia de seus afazeres para vir à Canindé prestar sua homenagem a São Francisco e, ao mesmo tempo, aproveitar para se divertir ao lado de familiares, parentes e amigos", frisou Celso.

A Polícia Rodoviária Federal já anunciou que o plano na volta para casa será rigoroso.

Mais informações

Moto Romaria Fortaleza-Canindé
Amanhã, às 8 horas, saindo da Av. Mister Hull, em frente ao Colégio Santa Izabel
Fones: (85) 3274.2442/ 9981.2675

Antônio Carlos Alves
Colaborador

Quero receber conteúdos exclusivos sobre as regiões do Ceará