Paulo César Norões: Censo 2020 incluirá autistas

O presidente Jair Bolsonaro sancionou, ontem, o Projeto que altera a Lei 7.853, de 1989 para que seja obrigatório que o censo populacional inclua “especificidades inerentes ao autismo”.

Para o senador Eduardo Girão (Pode), defensor do projeto, a sanção presidencial é um primeiro passo para as pessoas inseridas no Transtorno do Espectro Autista (TEA) e seus familiares que há anos lutam por reconhecimento.

“Nosso objetivo é saber quantos autistas existem no Brasil, para balizar políticas públicas que garantam atendimento às demandas e necessidades dos nossos irmãos autistas, que cativam pela diversidade de habilidades, dons e capacidade de amor a seus familiares e ao próximo”, afirmou o senador.

Ele também parabenizou o deputado federal Capitão Wagner pelo empenho e comprometimento para aprovação da matéria.

O Brasil não dispunha de nenhum estudo próprio sobre a incidência de casos no País, o que dificultava qualquer tipo de política pública voltada aos portadores da deficiência. Após a sanção, fica definida a inclusão de um levantamento de dados sobre a população autista do Brasil no Censo 2020.

Vazou

Gerou indignação entre governadores do Nordeste comentário do presidente Bolsonaro em conversa com o ministro Onyx Lorenzoni, momentos antes do início do café da manhã com jornalistas estrangeiros, ontem. O áudio, captado pelos microfones da mesa e gravado pela câmera de uma emissora de TV, viralizou nas redes sociais. Bolsonaro se refere a governadores e diz claramente: “o pior (inaudível) é o do Maranhão. Não tem que ter nada para esse cara”.

Repúdio

Os governadores responderam com uma carta onde demonstram “espanto e profunda indignação” e pedem esclarecimentos à Presidência da República, ao tempo em que reafirmam respeito à Constituição e à democracia e a busca por uma relação institucional com o Governo Federal. “Independentemente de normais diferenças políticas, o princípio federativo exige que os governos mantenham diálogo e convergências”, diz o documento.

Roda de conversa

Pré-candidato a prefeito de Fortaleza pelo PSDB, Carlos Matos se reúne às 9h30 de hoje com moradores do bairro Barroso, na Associação Comunitária Sítio Estrela de Messejana. O tucano tem aproveitado esses encontros para ouvir da população suas demandas e impressões sobre a cidade. “Queremos conhecer os anseios do povo, em especial, o modo como enxergam o que tem sido feito pela melhoria de vida deles nos bairros”, afirma Matos. O Roda de Conversa já passou pelo Conjunto Palmeiras, Granja Portugal e Montese.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre política

Assuntos Relacionados