Paulo César Norões: CCJ vota relatório de Tasso

Escrito por Paulo César Norões, pcnoroes@diariodonordeste.com.br

Política

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado vota hoje o relatório do senador Tasso Jereissati sobre Reforma da Previdência. A matéria, que recebeu até o fim da tarde desta terça-feira 474 emendas, tem concentrado a atenção do Congresso nos últimos dias devido a inclusão de estados e municípios e, ainda, pelas medidas adotadas por Tasso de proteção aos mais vulneráveis - como a manutenção do BPC e a garantia de pelo menos 1 salário mínimo para as pensionistas. Relator, Tasso defende que a reforma previdenciária é a primeira de uma lista maior que o País necessita, e que os ajustes realizados no Senado "complementam a Reforma que foi aprovada na Câmara". Na CCJ, Tasso apresentará seu voto suplementar e a sessão deve ser longa pela importância da matéria e pela possibilidade de apresentação de votos em separado por outros senadores.

Acordado

Enquanto preparava seu relatório, Tasso manteve contato permanente com Rodrigo Maia com o objetivo de "avaliar o potencial de aprovação da PEC paralela na Casa", em especial a partir da inclusão de estados e municípios. O texto apresentado é resultado do acordo da última quinta-feira, em encontro entre ambos e o senador Davi Alcolumbre, que estabelece que, aprovada no Senado, a PEC paralela terá tramitação célere na Câmara.

Enganação

Em entrevista à TV Senado, o senador Cid Gomes (PDT) atacou a PEC paralela, afirmando que a mesma é, como se diz no Nordeste, conversa pra boi dormir. "Quando ela for pra Câmara vai ser engavetada porque os deputados querem desgastar os governadores, coisa pequena para um debate importante", afirmou o pedetista.

Forrozão do Igor

Primogênito do ex-deputado estadual Moésio Loiola, radialista Igor Loiola tem sido incentivado por amigos e comunicadores a ser candidato a vereador, em Fortaleza, no próximo ano. Igor analisa com carinho a sugestão, mesmo porque ainda vai falar sobre o assunto com o pai, hoje prefeito de Campos Sales, importante município da região do Cariri. Com as bênçãos de Moésio, quem sabe?

PDT do Ceará faz sessão de cinema, amanhã, no Teatro São José. É a pré-estreia do longa-metragem "Legalidade", que narra movimento encetado por Leonel Brizola para garantir a posse de João Goulart na presidência da República, em 1961. O filme foi um dos 12 inscritos para representar o Brasil no Oscar 2020.

Câmara de Fortaleza aprovou projeto de Larissa Gaspar (PT), que veda o uso de tração animal para atividades comerciais. A edil também representou junto ao Ministério Público para que a Prefeitura se obrigue a cumprir a Lei.