Governistas serão adversários na Região Metropolitana de Fortaleza; confira os candidatos

Veja como está a disputa nos cinco maiores colégios eleitorais da região

Legenda: Segundo maior colégio eleitoral do Estado, Caucaia pode ter segundo turno
Foto: Arquivo DN

A Região Metropolitana de Fortaleza deve representar um desafio para o governador Camilo Santana (PT), que terá aliados disputando em várias cidades. Em Caucaia, Naumi Amorim (PSD) tenta a reeleição, mas irá concorrer diretamente com o deputado estadual Elmano de Freitas (PT), que tem apoio de Cid e Ciro Gomes. 

A oposição também não deve estar unida na cidade, que tem o segundo maior colégio eleitoral do Estado. O Pros oficializou a candidatura de Vitor Valim e Deuzinho Filho (Republicanos) na terça-feira (15) para a posição de vice. Por outro lado, o PSDB homologou a chapa formada por Emília Pessoa (PSDB) e pelo ex-vereador Silvio Nascimento (Podemos). 

A disputa em Caucaia conta ainda com a chapa do Psol, formada pelo professor Rodrigo Santaella e pelo militante Felipe Martins, e pelo ex-deputado federal e ex-prefeito de Caucaia, Zé Gerardo Arruda (MDB). Também estão na disputa pelo Executivo o vereador Sebastião Conrado (PMB) e jornalista Paulo Sérgio (PCdoB).

Maracanaú

Em Maracanaú, a decisão do PT de lançar chapa - após duas décadas sem candidato a prefeito na cidade - também dividiu a base aliada. Pela legenda petista, foi homologada a candidatura do ex-vereador e ex-secretário da Juventude em Maracanaú, Daniel Baima. 

O deputado licenciado Júlio César Filho (Cidadania), que estava como líder do Governo nesta legislatura, teve o nome confirmado em convenção nesta quarta-feira (16). O grupo político do parlamentar é o que, historicamente, rivaliza com a atual gestão. 

O grupo político do deputado federal licenciado Roberto Pessoa (PSDB) governa a cidade há 16 anos. Neste ano, Pessoa foi o nome escolhido pela sigla tucana para concorrer a sucessão do atual prefeito, Firmo Camurça. 
O Psol também lançou pré-candidatura para Maracanaú, com o professor Carlos Eduardo para prefeito e Dervania como vice.

Maranguape

Em Maranguape, as mesmas figuras devem disputar o voto do eleitor no município. O ex-prefeito Átila Câmara (SD) tenta voltar à chefia da administração municipal depois de ser derrotado na eleição de 2016 quando tentava se manter no comando da prefeitura.

João Paulo Xerez (PDT), com apoio do grupo ligado ao governador, vai tentar a reeleição em novembro. George Valentim (PSB), que tem o apoio do PCdoB, PT e PSDB, vai entrar na disputa. Os últimos pleitos em Maranguape foram marcados por questões judiciais quanto aos registros de candidaturas. 

Aquiraz

No município de Aquiraz, Edson Sá (PDT) vai tentar a reeleição com o apoio do Palácio da Abolição. O atual vice-prefeito Agenor Mota (PSD), que é rompido com o titular, formou chapa com o candidato Bruno Gonçalves (PL) na disputa pela prefeitura.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre política