Camilo pede a prefeitos da região Norte reforço no isolamento social e na atenção básica

O encontro remoto reuniu todos os 45 gestores da Macrorregião Norte, que apresentaram as principais demandas dos municípios no combate da Covid-19

Legenda: Todos os 45 prefeitos da Macrorregião Norte participaram da reunião virtual com o governador Camilo Santana
Foto: Foto: Reprodução/Twitter

Durante reunião virtual, realizada na tarde desta quarta-feira (27), o governador do Ceará Camilo Santana (PT) pediu aos 45 prefeitos cearenses da Macrorregião de Sobral que intensifiquem o isolamento social e reforcem o protocolo de atenção básica nos seus municípios. 

Esta é a segunda reunião feita com prefeitos cearenses por macrorregiões de Saúde e todas têm como objetivo tratar de forma mais específica a demanda das diferentes regiões no combate à pandemia da Covid-19. A primeira foi realizada na última segunda-feira (26), com os 40 gestores dos 44 municípios que formam a Macrorregião de Fortaleza. Já o terceiro encontro acontece nesta quinta-feira (28), com mais de 40 prefeitos da Macrorregião do Cariri.

"Houve um um pedido do governador para que os prefeitos pudessem intensificar suas atenções na atenção básica, aumentando e fortalecendo isso, e também a fazer o isolamento social com mais veemência nos municípios", afirma o presidente da Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece), Nilson Diniz. Ele ressalta que as medidas solicitadas têm como intuito "evitar que todos fiquem doentes ao mesmo tempo" e não haja sobrecarga na rede pública de saúde. 

Em casos de infeccção pelo novo coronavírus, segundo Diniz, a orientação do Governo é que as unidades de saúde sigam um protocolo, a partir do qual é recomendada a utilização da azitromicina e de corticóide. "Primeiro você luta para que a pessoa não fique doente. E, ficando doente, que possa ter um tratamento mais rápido para que essa pessoa não fique grave e precise de [um leito de] UTI".

"Apresentamos a situação epidemiológica do estado e reforçamos com os prefeitos a importância da atenção primária no combate ao Covid, nas visitas dos agentes de saúde e busca ativa dos grupos de risco", resumiu Camilo Santana, nas redes sociais. 

Sobral e Itapipoca são cidades da região Norte que já ultrapassaram a marca de 1.000 casos confirmados de Covid-19. Na reunião, o Governo também se comprometeu a ampliar os canais de comunicação com esses municípios e lançar estratégias ou ações mais específicas de combate à doença.