ImunizaSUS abre 94,5 mil vagas de curso para profissionais da rede pública de vacinação no Brasil

Inscrições podem ser feitas até 28 de fevereiro e são destinadas para todos os municípios do País

Profissional de vacinação manuseando frasco de vacina
Legenda: Os profissionais precisam ser brasileiros, natos ou naturalizados, além de serem vinculados a alguma gestão municipal ou estadual de saúde
Foto: Thiago Gadelha

O projeto ImunizaSUS está com 94 mil vagas de curso abertas para profissionais de saúde que atuam em ações de vacinação em todos os municípios do Brasil, na rede pública. As inscrições podem ser feitas no site do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems) até o próximo domingo, 28 de fevereiro. 

Com 94.500 vagas para todo o País, o curso "Fortalecimento das ações de imunização nos territórios municipais" é gratuito e terá duração de dez meses, com turmas de até 50 pessoas. O curso "tem por objetivo contribuir com a formação e atualização dos profissionais de saúde que atuam na linha de frente das ações de imunização nas redes municipais", segundo o Conasems. 

>> Confira o edital do curso 

Os profissionais precisam ser brasileiros, natos ou naturalizados, além de serem vinculados a alguma gestão municipal ou estadual de saúde. É necessário ter registro no Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES). Serão utilizadas ferramentas de ensino à distância. 

Veja os requisitos para a inscrição 

– Ser brasileiro(a) nato ou naturalizado(a);

– Ser profissional de saúde vinculado à gestão municipal ou estadual de saúde, com respectivo registro no CNES (Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde);

– Profissional de nível superior ou técnico;

– Possuir habilidade para uso de computadores, internet, e-mails fóruns, chats e afins, e acesso, às suas próprias expensas, à infraestrutura (computador ou notebook) e conectividade (conexão em banda larga) necessárias ao desenvolvimento das atividades descritas neste Edital, uma vez que serão desenvolvidas na modalidade à distância;

ImunizaSUS 

Fruto de parceria entre o Conasems, Ministério da Saúde e Faculdade São Leopoldo Mandic, o projeto tem como meta transformar as Unidades Básicas de Saúde em salas de aula. Conforme o Conasems, a prioridade é capacitar profissionais que atuam de forma direta nas ações de imunização em todos o País.

Quero receber conteúdos exclusivos do Papo Carreira